Acidente causa morte de homem no Boqueirão, em Santos

Adriano Gonçalves de Aquino conduzia um Celta e colidiu com um Ônix no cruzamento com a Rua Azevedo Sodré, às 6h13

Comentar
Compartilhar
16 FEV 2018Por Da Reportagem10h01
O acidente envolveu dois veículos, um Onix e um CeltaFoto: Diário do Litoral

Um homem de 40 anos morreu no início da manhã de hoje (17) ao se envolver em um acidente de carro na Avenida Conselheiro Nébias, no Boqueirão, em Santos. Adriano Gonçalves de Aquino conduzia um Celta e colidiu com um Ônix no cruzamento com a Rua Azevedo Sodré, às 6h13.

Após a batida, o Celta atingiu um poste e Aquino foi arremessado para fora do carro, morrendo no local. O motorista do Ônix, de 61 anos, não ficou ferido. No momento da batida, ele seguia em direção ao Canal 3.

Uma testemunha do acidente afirmou à Polícia Civil que Aquino avançou o sinal vermelho da avenida, no sentido Centro-Praia, antes de bater.

A testemunha dirigia um carro no lado oposto da avenida e prestou depoimento no 7º Distrito Policial (Gonzaga).

O motorista do Ônix, de 61 anos, não se feriu na batida e disse à Polícia Civil que passou pelo sinal verde da Rua Amilcar Mendes Gonçalves e seguiu na direção da Rua Azevedo Sodré, no cruzamento com a Conselheiro, quando o acidente ocorreu.

Ele não soube informar o ponto exato da colisão porque diz que não consegue “se lembrar de nada”.

O 7º Distrito Policial requisitou ao Instituto Médico-Legal (IML) exame toxicológico e de dosagem alcoólica no corpo de Aquino.

Também expediu ofício à Prefeitura de Santos requisitando imagens de câmeras de monitoramento das vias.

De acordo com o registro do caso, Aquino era caminhoneiro e morava na Vila Áurea, em Vicente de Carvalho. O Celta está registrado no nome da mãe dele.