X
Cotidiano

Ação ambiental no Centro de Santos é dirigida a comerciantes

Ao todo, 20 estagiários percorrerão os estabelecimentos reforçando as informações sobre o descarte correto de resíduos úmidos (orgânicos) e secos (recicláveis)

Ação será realizada de quarta (21) a sexta-feira (23) / Divulgação/PMS

A Secretaria de Meio Ambiente (Semam) realiza, de quarta (21) a sexta-feira (23), um trabalho de sensibilização ambiental junto aos comerciantes do Centro. Ao todo, 20 estagiários percorrerão os estabelecimentos reforçando as informações sobre o descarte correto de resíduos úmidos (orgânicos) e secos (recicláveis). Infratores estão sujeitos a multas que vão de R$ 1 mil a R$ 50 mil.

No bairro, a coleta seletiva é feita às quartas-feiras no período da manhã. Os recicláveis devem ser deixados em frente ao comércio a partir das 8h. A coleta termina por volta das 12h.

Recicletas

Além desse serviço, os comerciantes da região passaram a contar, desde o último dia 7, com o atendimento das dez recicletas da ONG Sem Fronteira.

As bicicletas, com caçamba, percorrem o bairro de segunda a sexta-feira, em dois horários: às 10h e às 16h30.

A iniciativa busca organizar o setor de resíduos com base na Lei Recicla Santos, em vigor desde o ano passado.

A legislação gerou um aumento de 92% na coleta seletiva, se comparado o último semestre de 2016 com igual período de 2017, e um acréscimo de quase 150% no número de trabalhadores nas duas cooperativas de catadores que atuam na Cidade.

Além das recicletas, a Semam também financiou, por meio do Fundo Municipal de Meio Ambiente, o projeto Condomínio Sustentável, que tem como objetivo levar ações de conscientização ambiental para 700 condomínios.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Mulher encontrada em decomposição em São Vicente será sepultada nesta terça-feira

Corpo foi encontrado pelo filho da vítima na última segunda-feira (6) em um condomínio da Vila Voturuá

Educação

Organização cria miniflorestas em escolas públicas com apoio da prefeitura de São Paulo

A entidade formigas-de-embaúba realiza o plantio participativo de Mata Atlântica com estudantes, além de oferecer formação on-line a professores para projetos de educação ambiental

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software