Abrem em maio as inscrições para o Casamento Comunitário

As inscrições são destinadas a casais com renda de até dois salários mínimos, que vivem em união estável há pelo menos dois anos ou com filhos em comum

Comentar
Compartilhar
22 ABR 201516h40

Os noivos que desejam oficializar a união já podem começar a providenciar a documentação para o Casamento Comunitário, a ser promovido gratuitamente pela Prefeitura em setembro. As inscrições para as 100 vagas estarão abertas entre maio e junho.

As inscrições são destinadas a casais com renda de até dois salários mínimos, que vivem em união estável há pelo menos dois anos ou com filhos em comum.

Os interessados devem aproveitar o período que antecede às inscrições para obter os documentos atualizados e não perder a chance de casar sem custos, diz o secretário de Defesa da Cidadania, Carlos Mota. “Muitos residentes em Santos são nascidos em outras cidades e precisam entrar em contato o quanto antes com os cartórios para conseguir que as certidões sejam expedidas a tempo”, explica.

Documentação

Para se inscrever será preciso estar munido com R.G, CPF e comprovante de residência em Santos. Quem for solteiro deverá apresentar certidão de nascimento, e no caso de um dos companheiros ser divorciado, será necessário levar a certidão de casamento com o divórcio averbado.

Qualquer uma dessas certidões terá validade se estiver atualizada com data de até seis meses da inscrição.

As inscrições para o Casamento Comunitário abrem em maio (Foto: Divulgação/PMS)

Outros documentos

Se o casal tiver filhos em comum deverá apresentar a certidão de nascimentos deles. Além disso, nome completo, com RG e CPF de duas testemunhas.

As inscrições

As inscrições para o Casamento Comunitário serão recebidas entre 11 de maio e 12 de junho nos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) e na Coordenadoria de Políticas para a Mulher (Comulher).