94 mil eleitores da Baixada precisam cadastrar biometria

Cadastramento é obrigatório nas cidades de Cubatão, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe

Comentar
Compartilhar
19 NOV 2019Por Caroline Souza07h30
Quem não realizar o cadastramento dentro do prazo corre o risco de ter o título de eleitor canceladoFoto: Rodrigo Montaldi/Arquivo DL

Mais de 94 mil eleitores de Cubatão, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe têm até o dia 19 de dezembro para cadastrar a biometria. Nesses municípios da Baixada Santista o cadastramento é obrigatório para as próximas eleições.

Cubatão é a cidade com mais cidadãos aptos a votar: 95.161. No entanto, o município tem também a menor porcentagem de eleitores que já realizaram o cadastro das digitais (60,19%). Os dados são do sistema de Justiça Eleitoral.

Dos 79 mil eleitores de Itanhaém, pouco mais de 55 mil já se cadastrou (69,78%). Em Peruíbe, 57.610 cidadãos estão aptos a votar, dos quais 67% já possuem biometria cadastrada. Mongaguá tem a maior porcentagem de eleitores com digitais cadastrados: 71,16%, de um eleitorado de 46.401 munícipes.

Quem mora em uma das quatro cidades e não realizar o cadastramento biométrico dentro do prazo corre o risco de ter o título cancelado e não poder votar nas eleições municipais de 2020.

"Além disso, o eleitor pode ter outras consequências na vida civil, como impedimento para emitir passaporte, ser empossado em concurso público, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial, obter empréstimos em estabelecimentos de crédito mantidos pelo governo e participar de concorrência pública, entre outras", esclarece o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP).

Para ser atendido, o eleitor deve agendar horário no site do Tribunal (www.tre-sp.jus.br/eleitor/agendamento-titulo-eleitoral-3). É preciso ter em mãos um documento oficial com foto, comprovante de residência recente e o título de eleitor, caso houver. Os Cartórios estão realizando plantões aos finais de semana.

Ação não é obrigatória em toda a Região

Nos outros cinco municípios da Baixada Santista a biometria não precisa ser realizada neste ano. Mesmo assim, o TRE-SP recomenda que o eleitor faça seu cadastro antes que se torne obrigatório.

Entre as cidades da Baixada Santista em que o cadastro ainda não é obrigatório, a com maior número de eleitores cadastrados é Praia Grande (51,65%), seguida de Santos (40,41%), Bertioga (40,03%), São Vicente (32,49%) e Guarujá (29,76%).

As nove cidades da Região têm, ao todo, um eleitorado de mais de 1.3 milhão de pessoas. Cerca de 600 mil (44,28%) já realizaram o cadastramento biométrico.

O eleitor pode se cadastrar no cartório eleitoral de seu endereço ou nos Postos do Poupatempo.