34 mil alunos voltam às aulas nas escolas municipais de Guarujá

Primeiro dia foi dedicado à recepção e adaptação dos alunos e pais às escolas.

Comentar
Compartilhar
05 FEV 201317h00

Ansiedade, animação e expectativa resumem o clima da última segunda-feira (4) nas escolas da rede municipal de Guarujá. Mais de 34 mil alunos matriculados retornaram às aulas para o início do ano letivo 2013.

A mãe Rosana Claudia Farinha de Oliveira acompanhou a filha Clarissa, de seis anos, no primeiro dia de aula na Escola Municipal Professora Jacirema dos Santos Fontes. “Ela ficou falando sobre a volta às aulas durante toda a semana. Está muito ansiosa para conhecer a escola nova”, disse Rosana. O jeito inquieto da menina, que não parava de bater os pés no chão, ratificava a afirmação da mãe.

Outra aluna entusiasmada para o primeiro dia era Thawany, de sete anos. Ela é a terceira filha de Lucia Alves Brandão a frequentar a escola Jacirema. “Eu confio nessa escola, é uma das melhores de Guarujá”, contou.

De acordo com a diretora da unidade, Solange Pinto de Andrade Batista, o primeiro dia foi dedicado à recepção e adaptação dos alunos e pais às escolas. Eles foram dirigidos às suas classes, onde foi realizada uma reunião para apresentação da professora, regras, horários, orientações a respeito de vestimentas, alimentação, higiene, materiais didáticos, autorizações de saída dos alunos e para prática de Educação Física, cuidado com objetos pessoais, entre outros assuntos.

Mais de 34 mil alunos matriculados retornaram às aulas para o início do ano letivo 2013 (Foto: Divulgação)

Durante toda primeira semana, os alunos só entram na sala se estiverem acompanhados pelos pais ou responsáveis. Segundo a professora Ingrid Santos de Sousa, a preocupação do corpo docente é para que os pais e alunos se sintam seguros. “Queremos que eles se sintam acolhidos desde o começo. Eu até dou uma lembrancinha para cada um. Temos que criar vínculos para o aprendizado ter sucesso”, explicou a professora.

Transferências

As unidades municipais estão disponíveis para transferências em horário administrativo. Para a mudança de endereço, basta o responsável pelo aluno comparecer à unidade, munido de comprovante de residência. Outros casos da necessidade de transferência vão depender das vagas disponíveis na instituição desejada.