Tinha que implodir

Comentar
Compartilhar
14 JUN 2019Por Da Reportagem00h00

Sadao Nakai (PSDB) afirma: "tinha que implodir e construir um novo. Reforma não vai adiantar. Podia pegar o que está se gastando na Ponta da Praia e aplicar no Palácio, que poderia abrigar até o IML e a Polícia Científica". Roberto Teixeira, o Pastor Roberto (PSDB), achou a iniciativa válida. "O delegado vai ganhar um reforço para lutar pela reforma". Geonísio Pereira, o Boquinha (PSDB), pai do deputado Coimbra (PSL), disse que o filho descobriu que a reforma não saiu por conta do alto custo em função do prédio ser tombado. "Vai custar R$ 30 milhões. É melhor construir um novo".

Colunas

Contraponto