Zavascki dá cinco dias para Cunha se manifestar sobre pedido de prisão

Para facilitar o processo de defesa de Cunha, o ministro do Supremo Tribunal Federal determinou a retirada do sigilo do pedido de prisão

Comentar
Compartilhar
15 JUN 2016Por Agência Brasil00h30
Eduardo Cunha terá cinco dias para se manifestar sobre pedido de prisãoEduardo Cunha terá cinco dias para se manifestar sobre pedido de prisãoFoto: Lula Marques / AGPT

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki decidiu agora há pouco conceder prazo de cinco dias para que a defesa do presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), se manifeste sobre pedido de prisão feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.  A medida foi tomada após o vazamento do pedido.

“Diante da indevida divulgação e consequente repercussão do pedido ora formulado intime-se o requerido para, querendo, manifestar-se em até cinco dias”, decidiu o ministro.

Para facilitar o processo de defesa de Cunha, Teori Zavascki determinou a retirada do sigilo do pedido de prisão.