Luiz Fux toma posse como presidente do STF

Entre os principais desafios de Fux à frente do Supremo estão a Lava Jato, salários da magistratura e o combate às fake news

Comentar
Compartilhar
10 SET 2020Por Gazeta de S. Paulo18h45
O ministro Luiz Fux irá presidir a Corte por dois anosFoto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

O ministro Luiz Fux tomou posse como presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) na tarde desta quinta-feira (10) em substituição ao ministro Dias Toffoli. Fux terá como vice-presidente Rosa Weber, e irá presidir a Corte pelos próximos dois anos. Entre os principais desafios de Fux à frente do Supremo estão a Operação Lava Jato, salários da magistratura, o combate às fake news e a criação do juiz de garantias.

Nascido no Rio de Janeiro, Fux assumiu uma das 11 cadeiras no Supremo Tribunal Federal (STF) em março de 2011, após ser indicado pela então presidente Dilma Rousseff.

A cerimônia de posse foi restrita em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Compareceram à sessão solene, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e dos presidentes do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), entre outras autoridades.