Dois morrem e três ficam feridos em briga na Ceagesp

Testemunhas ouvidas pela Polícia Civil relataram que a desavença começou no início da semana, por causa de preço das mercadorias

Comentar
Compartilhar
14 JAN 2017Por Estadão Conteúdo18h30

Uma briga entre famílias de feirantes acabou com dois homens mortos a tiros e outros três feridos na Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais (Ceagesp), na Vila Leopoldina, na zona oeste da capital paulista. O caso aconteceu na manhã deste sábado, 14, por volta das 4h20.

Testemunhas ouvidas pela Polícia Civil relataram que a desavença começou no início da semana, por causa de preço das mercadorias. Na quarta-feira, 11, teria havido uma agressão entre as partes, que terminou em um acerto de contas neste Sábado.

Os mortos, identificados apenas como Italo Santos e Vagner Rodrigues, eram de famílias diferentes. Um irmão de Rodrigues e dois de Santos também foram baleados. Eles foram socorridos e levados para o Hospital das Clínicas e para o Hospital Universitário, onde vão passar por cirurgia.

As vítimas foram alvejadas perto do Portão 14, dentro da Ceagesp As famílias teriam ido para o entreposto para comprar peixe, produto que revendiam em feiras de São Paulo.

Um homem chegou a ser detido por seguranças da Ceagesp, suspeito de ser autor dos disparos, mas deve ser liberado. Segundo as primeiras apurações do 91° Distrito Policial (Ceagesp), ele não teria envolvimento no crime. Já os feridos são considerados autores e estão sob custódia policial. Caso recebam alta, serão presos.

Os investigadores apreenderam um revólver calibre 38 e duas pistolas 380. A Polícia ainda apura quem deu início às agressões e quem são os autores dos disparos. Os envolvidos passarão por exame residuográfico. As câmeras de segurança do local estavam inoperantes.