X
Brasil

Correios encerram e-Sedex, frete mais barato em lojas on-line

O serviço permitia o envio de mercadorias com preço reduzido em relação ao Sedex tradicional e próximo ao de uma encomenda comum, de prazo de entrega mais longo

Os Correios encerraram o e-Sedex nesta segunda-feira (19). De acordo com a empresa, o serviço foi descontinuado em virtude da aprovação da nova política comercial.

Destinada apenas ao comércio eletrônico, o serviço permitia o envio de mercadorias com preço reduzido em relação ao Sedex tradicional e próximo ao de uma encomenda comum, de prazo de entrega mais longo.

A recomendação é que as postagens de encomendas passem a ser feitas por Sedex ou PAC.

Além desses serviços, a empresa também afirma, em nota, que "tem parcerias com os maiores marketplaces do país e prosseguem com a implantação do novo serviço Correios Log - Comércio Eletrônico, também conhecido como e-Fulfillment, que possibilita à loja virtual ter toda a sua operação de armazenamento, preparação de pedido, postagem e logística completamente realizada pelos Correios, com otimizações operacionais e de custos para os clientes.

Nota dos Correios 

"A partir da próxima segunda-feira (19), em virtude da aprovação da nova Política Comercial dos Correios, o serviço e-SEDEX será descontinuado. Dessa forma, todas as postagens de encomendas deverão ser realizadas por SEDEX ou PAC.

Além desses serviços, os Correios possuem parcerias com os maiores marketplaces do país e prosseguem com a implantação do novo serviço Correios Log - Comércio Eletrônico, também conhecido como e-Fulfillment, que possibilita à loja virtual ter toda a sua operação de armazenamento, preparação de pedido, postagem e logística completamente realizada pelos Correios, com otimizações operacionais e de custos para os clientes.

Mantendo o compromisso de transparência com os seus clientes, os Correios reforçam a parceria com o comércio eletrônico, e afirmam que continuarão a ser a empresa mais acessível ao e-commerce em todo o Brasil. As mudanças da nova Política Comercial da estatal visam atender melhor ao comércio eletrônico, destinando pacotes de encomendas específicos para os clientes desse setor, como os serviços SEDEX, PAC e Logística Reversa, que atendem às diversas necessidades de preços e prazos dos lojistas, além dos consumidores finais."

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Tiroteio em escola deixa três mortos e seis feridos em Michigan, nos EUA

De acordo com a CNN, o suspeito, identificado como um menino de 15 anos, foi detido; acredita-se que uma das vítimas seja um professor

Esportes

Presidente do Delfín revela proposta do Santos por gigante zagueiro equatoriano

Assim como fez no Corinthians, o técnico Fábio Carille deve iniciar a reformulação do elenco santista para 2022 pela defesa

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software