X
Brasil

Certidão de CNH já pode ser validada pelo celular

Tecnologia Prodesp permite a validação do documento por meio de QR Code. Nova funcionalidade está disponível no app Detran.SP, que pode ser baixado no SP Serviços

A Prodesp desenvolveu uma nova funcionalidade para o aplicativo Detran.SP / Divulgação

Depois da possibilidade de fazer a indicação do condutor pelo celular, a Prodesp desenvolveu uma nova funcionalidade para o aplicativo Detran.SP: a validação da Certidão de Prontuário da CNH.

Com isso, todas as Certidões de Prontuário emitidas pelo portal do Detran.SP ou presencialmente passaram a contar, além do código numérico tradicional, com um QR Code que pode ser validado pelo aplicativo.

Desenvolvido pela Prodesp em parceria com o Detran.SP e disponível no SP Serviços, o app também possibilita ao usuário verificar a pontuação da sua CNH, pesquisar possíveis multas registradas e consultar débitos e restrições do veículo, além de entrar em contato por meio do canal Fale Conosco.

Como fazer a validação da Certidão de Prontuário da CNH pelo celular
Para quem já tem o SP Serviços instalado no celular, é só clicar no ícone do app Detran.SP, abrir e acessar a função "Validar Certidão de CNH". Serão apresentadas duas opções: digitar o código numérico ou clicar no ícone para "validar a certidão utilizando o QR Code".

Ao escolher a segunda opção, basta apontar a câmera do celular para o QR Code disponível no final do documento e, após a leitura, clicar em "Validar". O app acessará a certidão armazenada no servidor do Detran.SP representando a situação do condutor na data e horário exatos em que a versão impressa foi emitida.

Assim, será possível cotejar as informações contidas no documento impresso com a versão digital amostrada no celular para verificar a autenticidade dos dados.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Centro Histórico terá primeira quadra pública de basquete 3x3 de Santos

Com 4 mil m², a Praça Manoel de Almeida ganhará novo piso de concreto desempenado mecanicamente em todas as quadras esportivas, sendo duas para futebol e uma para o basquete 3x3

Tecnologia

Ganhos do 5G não devem chegar a toda a população, dizem especialistas

Como a rede 5G tem um alcance menor do que a 4G, as operadoras precisarão de mais antenas, o que pode prejudicar a chegada do sinal a áreas periféricas

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software