X
Brasil

Câmara de SP aprova projeto de lei que proíbe venda de narguilé a adolescentes

Agora, o projeto de autoria do vereador Alessandro Guedes segue para sanção do prefeito da cidade

A Câmara de São Paulo aprovou o projeto de lei que proíbe a venda de narguilé a adolescentes / Divulgação

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou em segunda votação o Projeto de Lei 41/2017, que proíbe a venda de narguilé (cachimbo fumado por uma mangueira e que usa a água como filtro) para menores de 18 anos. Agora, o projeto de autoria do vereador Alessandro Guedes segue para sanção do prefeito da cidade.

“O objetivo é conscientizar pais e filhos sobre os danos que o narguilé causa à saúde das pessoas. Uma sessão de narguilé equivale a fumar cerca de 100 cigarros. As doenças mais comuns causadas pelo uso do narguilé são câncer de garganta, boca e pulmão, além de leucemia e doenças respiratórias e coronárias”, disse o autor do projeto.

“Fizemos um grande debate na Câmara Municipal, produzimos materiais informativos para conscientizar a juventude e a família sobre os males do uso do narguilé e estamos realizando atividades nos bairros e em escolas. Tudo para conscientizar as pessoas”, acrescentou.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Vem Aí

Guarujá sedia 5ª edição do Conexidades de 7 a 11 de junho

Evento ocorrerá das 7 às 19 horas e é uma realização da União dos Vereadores do Estado de São Paulo (Uvebs)

Novidade

Sabesp disponibiliza atendimento pelo WhatsApp para clientes residenciais

Aplicativo de mensagens recebe consultas sobre débitos, pedidos de segunda via da conta e registros de falta d'água, vazamentos ou qualidade da água

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software