Bolsonaro pede votos para candidatos ‘que tenham Deus no coração’

Em viagem ao Nordeste, o presidente pediu que os eleitores escolham nesta eleição candidatos a prefeito e vereador cristãos

Comentar
Compartilhar
01 OUT 2020Por Da Reportagem19h04
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) durante a inauguração de uma adutora em em São José do EgitoFoto: Carlos Ezequiel Vannoni/Agência Pixel Press/Folhapress

Em viagem ao Nordeste, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pediu que os eleitores escolham nesta eleição candidatos a prefeito e vereador cristãos. Vamos escolher gente que tenha deus no coração, que tenha na alma o patriotismo e queira de verdade o bem do próximo. Deus pátria e família", disse nesta quinta-feira (1º) durante a inauguração de uma adutora de abastecimento de água em São José do Egito, no Pernambuco.

Essa é a sétima visita de Bolsonaro ao Nordeste desde junho. Ele já fez visitas a Penaforte (CE), São Raimundo Nonato (PI) e Campo Alegre de Lourdes (BA), São Desidério (BA), Aracaju (SE), Mossoró (RN) e Coremas (PB).

O presidente não falou com a imprensa: "Quando vocês publicarem o que falo, eu falo com vocês", disse, antes de subir no palco. Em um discurso com seis minutos de duração, Bolsonaro agradeceu a receptividade da população: "Alguns dizem que eu me arrisco. Mas eu confesso, viver sem vocês é morrer".

Bolsonaro ainda criticou os políticos que determinaram o fechamento do comércio não essencial durante a pandemia do novo coronavírus. E voltou a defender a hidroxicloroquina, remédio sem comprovação científica no combate à Covid-19. "Quem não acreditou [no remédio], engula agora. Eu não sou médico, mas sou ousado como cabra da peste nordestino. Temos que buscar uma solução para os problemas. Nós buscamos e ela apareceu".

Ao fazer uma homenagem um ex-praça da Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial, o presidente disse defender a democracia: "Como chefe supremo das Forças Armadas, nunca abrirei mão que o meu povo tenha liberdade e democracia. Para quem dizia que eu ia fazer o contrário, estão decepcionados".