Ator da Globo revela plano de amigo para matar assassino de Daniella Perez 29 anos após crime

Comentar
Compartilhar
09 JAN 2021Por Da Reportagem11h27
O ator global Raul Gazolla (65).Foto: Reprodução/Youtube

O ator global Raul Gazolla (65) revelou na última semana em entrevista ao canal Rap 77 que um amigo estava planejando vingar a morte de sua esposa à época, a atriz Danielle Perez, morta em 1992 pelo também ator Guilherme de Pádua com a ajuda de sua mulher, Paula Thomaz. Daniella e Guilherme atuavam juntos na novela De Corpo e Alma, escrita pela mãe de Daniella, Gloria Perez. O motivo do crime seria o fato de Gulherme querer mais espaço na trama e insistir para que Daniela falasse com sua mãe. A atriz foi morta com golpes de faca e o crime chocou o Brasil.

Gazolla disse que dias após o crime um amigo contraventor foi visitá-lo e disse que vingaria a morte de Daniela. Segundo o ator esse amigo já tinha traçado um plano de como invadiria o 16º DP, no Rio de Janeiro, e mataria de Pádua lá dentro. "Fiquei mais de duas horas convencendo ele de que não era para fazer isso, pois inocentes poderiam morrer", disse Gazolla.

O experiente ator disse que, na época do assassinato de sua esposa, sofreu quatro infartos e passou por períodos muito difíceis. Apesar de não gostar de relembrar a história, Gazolla diz que a postura do assassino é o que mais lhe incomoda. "Ele age sem arrependimento. Disse que aconteceu o que deveria acontecer. Ele não reconhece a merda que fez. Rezo todos os dias para não encontrar com ele", finaliza.

Guilherme de Pádua foi solto em 1999 (sete anos após ter cometido o crime). Hoje ele é pastor evangélico e chegou a participar de vários atos pró-Bolsonaro em Brasília.