Prefeitura de Bertioga auxilia GREMAR no resgate de mais de dez pinguins

Acionados por munícipes o DOA capturou cerca de 15 pinguins

Comentar
Compartilhar
03 JUL 2020Por Da Reportagem15h30
Os pinguins resgatados estavam debilitados e apresentavam cansaço devido à distância que percorreramFoto: Divulgação / Prefeitura Municipal de Bertioga

A Prefeitura de Bertioga prestou apoio ao Instituto GREMAR, responsável pelo resgate de animais marinhos, no recolhimento de pinguins-de-magalhães que chegaram à cidade nos últimos dias. Os pinguins foram encontrados nas praias do Indaiá, Boracéia e Guaratuba.

Acionados por munícipes o DOA resgatou cerca de 15 pinguins. De acordo com a diretoria, neste período do ano os animais costumam migrar para a região em busca de alimentos e temperaturas amenas.

“Os pinguins resgatados estavam debilitados e apresentavam cansaço devido à distância que percorreram”, afirmou o diretor do DOA. Lembrando que os animais foram deixados em caixas de papelão com tecidos para a preservação térmica e logo entregues ao órgão responsável, o GREMAR.

DOA
A Diretoria de Operações Ambientais atua na captura de animais silvestres em áreas urbanas. Os animais capturados são encaminhados para entidades receptoras da região, especializadas no atendimento.
Os animais marinhos são encaminhados ao Instituto GREMAR, que trabalha na reabilitação. Os atendimentos emergenciais são enviados para o Centro de Zoonoses de Bertioga. O resgate dos bichos é acionado pelo telefone (13) 3317-7073.

SOBRE A ESPÉCIE
O pinguim-de-magalhães é uma ave de médio porte, atinge até 75 cm e 6 kg. Se reproduz em colônias numerosas distribuídas pela Argentina, Ilhas Falkland (Malvinas) e Chile, realizando anualmente movimentos migratórios sazonais para o Brasil e Uruguai.