Mulher usa enxada para agredir ex em Bertioga

Suspeita não se conformou com término de relacionamento e decidiu agredir o ex-companheiro em Bertioga.

Comentar
Compartilhar
03 AGO 2019Por LG Rodrigues09h08
Crime aconteceu no bairro Chácara Vista Linda, em Bertioga, na madrugada de quarta-feira.Foto: REPRODUÇÃO/STREET VIEW

Um homem ficou ferido após ter sido agredido por sua ex-companheira a golpes de enxada, na madrugada de quarta-feira (31), no bairro Chácara Vista Linda, em Bertioga. De acordo com informações da Delegacia Sede, o rapaz ficou ferido no braço e teve seu carro completamente destruído pela suspeita. Até o momento, ninguém foi preso.

Segundo a Polícia Civil, a briga foi motivada devido ao término do relacionamento do casal. As agressões começaram durante a madrugada, após a mulher ter utilizado uma enxada para atacar seu companheiro. Inconformada com o fim do namoro, ela também utilizou um pedaço de madeira para destruir o vidro do automóvel do rapaz.

Ainda insatisfeita com as agressões que já havia cometido, a suspeita também jogou telhas no rapaz e continuou a destruir seu veículo. O rapaz de 35 anos tentou contê-la, mas não conseguiu. No boletim de ocorrência, a vítima ainda afirma que foi ameaçado de morte pela ex-companheira, que teria dito a ele que voltaria à casa, que fica na área rural da cidade, para jogar água fervente nele.

O relacionamento entre os dois começou em 2016 e o casal decidiu morar junto na casa do rapaz pouco tempo depois disso. Após anunciar que queria terminar a relação, o homem pediu para que a companheira deixasse o imóvel, o que também motivou as agressões.

Além de ter sido atacado com golpes de enxada, a mulher também teria desferido tapas no rosto do ex-companheiro e o perseguiu pelo imóvel. Ainda segundo informações registradas no boletim de ocorrência, ele afirma que a ex-namorada já havia sido agressiva em outras ocasiões.

Em um desses ataques de fúrias, ele diz que a companheira danificou o caminhão e a perua da empresa onde ele trabalha. No último episódio, ela ainda teria quebrado copos de vidro dentro da casa e jogou no lixo toda a carne que ele havia comprado e guardado na geladeira. Com receio que a suspeita cumpra as ameaçadas, o rapaz decidiu morar na casa de parentes pelos próximos dias.

Em contato com a redação do Diário do Litoral, a Polícia Civil afirmou ainda que o caso foi registrado como lesão corporal e ameaça. A ocorrência está sendo investigada pelas equipes do delegado titular José Aparecido Cardia, que solicitou exames junto ao Instituto Médio Legal (IML). Apesar do crime ter acarretado diversos danos contra a vítima e seu patrimônio, as equipes da Delegacia Sede de Bertioga informaram que, até o momento, nada foi apreendido para eventuais averiguações ou perícias. Nesta sexta-feira (2), a Polícia Civil afirmou que ainda deverá intimar a suspeita a comparecer no DP para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido.

Até o momento, nenhum suspeito de participar da ação foi preso.

Colunas

Contraponto