Bertioga faz nova entrega de kits de alimentos para alunos da rede municipal

Distribuição para famílias em vulnerabilidade social será de quarta (06) a sexta (08)

Comentar
Compartilhar
03 MAI 2020Por Da Reportagem17h23
Ação é voltada para as famílias de estudantes de escolas municipaisFoto: DIVULGAÇÃO

A Prefeitura de Bertioga realiza esta semana mais uma entrega de kits de alimentos às famílias em vulnerabilidade social, que possuem crianças matriculadas na rede municipal. A distribuição ocorre quarta (06), quinta (07) e sexta (08), das 9 às 16 horas, em todas as unidades de ensino.

A ação é voltada para as famílias de estudantes de escolas municipais beneficiários do Programa Bolsa Família ou que estejam em situação de risco alimentar e tenham feito inscrição na unidade de ensino durante a primeira entrega realizada em abril. O objetivo é complementar a alimentação dos alunos, que entraram em recesso escolar no dia 23 de março como medida preventiva para conter a propagação da Covid-19.

Os kits são compostos por pacotes de arroz, feijão, macarrão, sal, molho de tomate, leite em pó e ovos. A retirada deve ser feita pelo pai, mãe ou responsável pela criança. Importante levar documento pessoal com foto e seguir as recomendações de higiene e distanciamento, para evitar aglomerações.

Segundo o secretário de Educação, Rubens Mandetta, desta vez a entrega não ocorrerá mais em polos. Os responsáveis poderão retirar o kit na própria escola onde o aluno está matriculado. “Caso crianças  de uma mesma família estudem em unidades de ensino diferentes, os responsáveis devem escolher uma das escolas para a retirada”, explica.

O prefeito Caio Matheus destaca a importância da ação: “Sabemos que a merenda escolar é a principal fonte de alimento para muitas crianças. A entrega dos kits tem o intuito de garantir o acesso à alimentação para milhares de alunos durante a quarentena”, ressaltou.

Além dos kits de alimentos, a prefeitura também entregará as atividades pedagógicas impressas para que os alunos que não tenham como acessar a plataforma digital, possam continuar com a rotina de estudos em casa. Na oportunidade, os responsáveis também deverão atualizar o cadastro nas escolas, informando alterações de telefones para contato.