Tenente Coimbra - Viaturas blindadas vão trazer mais segurança aos agentes

Ficamos muito contentes com essa vitória e de saber que essas viaturas vão proporcionar mais proteção a esses heróis que combatem, dia após dia, o crime organizado

Comentar
Compartilhar
27 MAI 2021Por Artigo06h41
Tenente Coimbra indica e polícia recebe 54 viaturas blindadasTenente Coimbra indica e polícia recebe 54 viaturas blindadasFoto: DIVULGAÇÃO

A Polícia Civil de SP recebeu 105 viaturas blindadas, sendo 54 delas direcionadas para cidades indicadas por nós anteriormente. As regiões são: São José dos Campos, Campinas, Ribeirão Preto, Bauru, São José do Rio Preto, Santos, Sorocaba, Presidente Prudente, Piracicaba e Araçatuba

Com investimento de mais de R$ 23,3 milhões, os veículos SUV vão proporcionar mais qualidade  e mais segurança aos agentes. A aquisição dos veículos foi feita por meio de pregão eletrônico. A empresa vencedora foi a GM, com o modelo Trail Blazer. Ainda há aquisições em andamento, cerca de 30 automóveis para a polícia civil. Cada veículo custou R$ 222 mil. Pela primeira vez, a polícia civil de São Paulo terá uma frota de veículos blindados.

Os veículos trazem a proteção balística conhecida por “escudo”, ela permite que os policiais utilizem a porta como proteção em eventuais confrontos. As 105 viaturas da Polícia Civil utilizam a mesma defesa contra projéteis que as viaturas da polícia militar de São Paulo de São Paulo, adquiridas ano passado. A aplicação da aramida e aço inox no capô, no para-brisa e colunas, no painel corta-fogo, nos para-lamas dianteiros e nas portas. Essa proteção também é aplicada  na parte interna dos pára-lamas e nas baterias principal e auxiliar. A manta balística (aramida) é bem mais leve que o aço e desta forma interfere significativamente no peso agregado ao veículo.

A proteção balística é do nível III-A, um dos mais utilizados, e resiste a impactos com velocidades médias de 427 metros por segundo. Armas como as pistolas 9 milímetros e as Magnum.44 estão entre as que produzem impactos dessa natureza. Em outras palavras, com a blindagem nível III-A, o carro estará protegido contra disparos de armas de mão de todos os calibres. 

Essa blindagem é parcial, protegendo apenas áreas mais vulneráveis, sua grande vantagem é a redução do custo, chegando a da valor da blindagem total. 

Ficamos muito contentes com essa vitória e, principalmente de saber  que essas viaturas vão proporcionar mais proteção a esses heróis que combatem, dia após dia, o crime organizado. Vivemos um momento delicado, mas não podemos esquecer da segurança, que é primordial para todos. 

Continuaremos na luta para equipar cada vez mais nossos agentes de segurança do Estado para que eles possam continuar fazendo um excelente trabalho!

Tenente Coimbra, deputado estadual