Tenente Coimbra - Um ano para recomeçar e renovar

Permanecemos fortes para superar as dificuldades e que tenhamos muita energia para fazer de 2021 um ano repleto de renovação e conquistas

Comentar
Compartilhar
30 DEZ 2020Por Artigo06h44
Tenente Coimbra, deputado estadualFoto: DIVULGAÇÃO

O ano novo chega e com ele a esperança de que dias melhores virão. 2020 ficou marcado na história como um dos mais difíceis para o mundo todo. Saúde, economia e as relações pessoais sofreram os efeitos da pandemia, que nos tirou o direito ao abraço, beijo ou a um simples aperto de mão. Mesmo assim, permanecemos fortes para superar as dificuldades e que tenhamos muita energia para fazer de 2021 um ano repleto de renovação e conquistas.

Não estou dizendo que tudo estará perfeito apenas porque o ano virou. A pandemia continua e os cuidados também, mas a vacinação, que já se iniciou por diversos países e que em breve chegará ao Brasil, nos inspira confiança para a redução do avanço da doença e traz alívio para o nosso sistema de Saúde.

Além disso, aos poucos, a nossa economia vai se reaquecendo, assim como os nossos corações que já sentem a possibilidade de rever familiares, amigos e voltar à rotina sem medo de se contaminar ou contaminarmos o próximo.

A melhora na situação da saúde da população ainda impulsionará a recuperação e o crescimento do país, que poderá retomar a rota do desenvolvimento. A previsão é de que o Produto Interno Bruto global retornará a níveis pré-crise antes do fim de 2021. Quem faz essa afirmação é a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Ela explica que campanhas de vacinação, esforços combinados de saúde e apoio financeiro dos governos serão os responsáveis pela recuperação. Para o Brasil, a OCDE projeta um crescimento de 2,6% no ano. 

Muitos gastos e investimentos foram remanejados para o combate à pandemia e o auxílio dos mais afetados pela crise, mas todos os setores vão dando passos para se recuperar, gerar mais renda e empregos à população.

Em outra frente, na Educação, minhas esperanças se renovam com o avanço do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares (Pecim) aqui no Estado de São Paulo, por meio do trabalho que temos realizado com a Frente Parlamentar que criei para debater e apresentar o modelo.

Mesmo em meio às dificuldades, pudemos avançar na implementação do programa nas cidades de Sorocaba e São Vicente. Mas não vamos parar por aí. 

2021 é o ano de confirmar a conversão das duas escolas e permitir que outras cidades também recebam o Pecim e tenham a oportunidade de oferecer um ensino público de maior qualidade aos estudantes, valorizando a aprendizagem, o respeito, a disciplina e o civismo.

A todos, desejo que o novo ano venha renovar as energias, a esperança e nos proporcionar muita saúde e novas oportunidades.

Tenente Coimbra, deputado estadual