X
Artigo

Artigo - Conservação e utilização segura dos elevadores durante a época de chuvas

Confira algumas dicas que podem ajudar a manter os elevadores em bom estado de conservação e funcionamento

Algumas dicas podem ajudar a manter os elevadores em bom estado de conservação e funcionamento / DIVULGAÇÃO

Por Andreia Nolasco

O verão é historicamente um período de chuvas com aumento da incidência de tempestades e descargas elétricas atmosféricas, os raios. Esses fatores podem provocar, por exemplo, queda de energia ou alagamentos, afetando os elevadores dos condomínios. Esse contexto, em conjunto com feriados como o Carnaval, quando a circulação de pessoas aumenta, os cuidados na utilização desses equipamentos merecem ainda mais atenção. Algumas dicas podem ajudar a manter os elevadores em bom estado de conservação e funcionamento.

O elevador possui diversos componentes elétricos e eletrônicos que, em contato com água, podem ser danificados. Por isso, em dias de chuva, é importante escorrer o excesso de água de capas e guarda-chuvas antes de entrar no elevador. Se estiver chegando da praia ou da piscina, evite entrar no elevador com o corpo molhado ou com os pés cheios de areia, que também pode prejudicar alguns componentes. 

Se houver possibilidade de inundação em dias de chuva intensa é indicado que o elevador fique parado no último andar. Caso o equipamento seja afetado por água ou umidade, é necessário desligá-lo e solicitar a visita de um técnico de manutenção devidamente treinado.

Já em casos de oscilação de energia, o ideal é que os elevadores sejam desligados e os passageiros utilizem as escadas até que a energia seja totalmente reestabelecida. A oscilação de energia pode causar danos elétricos nos painéis dos elevadores e, caso o prédio não tenha gerador, aumentam as chances de algum passageiro ficar retido no interior da cabina. Caso isso aconteça, o passageiro deve informar a portaria através do intercomunicador ou botão de alarme do elevador. Para maior segurança, não deve sair do elevador sozinho ou mesmo com ajuda de moradores ou funcionários do condomínio. É importante aguardar calmamente o resgate seguro que deve ser efetuado somente pelo técnico de manutenção, Corpo de Bombeiros da Polícia Militar ou órgão responsável que o substitua na localidade.

O aumento na circulação de pessoas também significa que os elevadores serão utilizados com maior frequência. Para garantir a segurança dos usuários e não prejudicar o funcionamento dos equipamentos é essencial seguir boas práticas e orientações como: observar o número de pessoas e peso máximo dimensionado para o equipamento indicado pelo fabricante, não interromper o fechamento das portas com as mãos e ter atenção redobrada com objetos finos como bengalas ou guia de animais de estimação que podem não ser detectados pelo sistema de segurança (cortina luminosa).

Mas vale ressaltar que o elevador é um meio de transporte extremamente seguro quando observados a prevenção e o bom uso no dia a dia, independente da estação ou condição climática.

* Andreia Nolasco, Gerente Executiva de Gestão de Vendas de Novas Instalações da Atlas Schindler

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Férias escolares de julho reacendem a discussão sobre guarda compartilhada

Especialista dá orientações sobre a divisão do tempo dos filhos com guardiões divorciados

São Vicente

Miramar Shopping traz brincadeiras de ilusão de ótica nas férias de julho

São quatro atrações espalhadas por todo o shopping que desafiam os sentidos, como a visão e o tato; evento é gratuito

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software