Santos Vacinação 2

Cidades da Região definem locais de vacinação da Febre Amarela

As doses para a campanha ainda serão enviadas pelo Ministério da Saúde ao Estado que, por sua vez, as encaminhará aos municípios.

Comentar
Compartilhar
13 JAN 2018Por Vanessa Pimentel09h19
A vacinação nas unidades acontecerá sempre das 8h às 16h, de segunda à sexta-feira.Foto: Divulgação/Internet/Imagens Públicas

O Grupo de Vigilância Epidemiológica (GVE) do Estado se reuniu com representantes das prefeituras da Baixada Santista na última quinta-feira para tratar da campanha de vacinação contra a febre amarela, que começa no dia 3 de fevereiro e segue até o dia 24.

Em Santos, o público alvo é de cerca de 420 mil pessoas, com foco na prevenção, já que a doença não circula no município. As doses para a campanha ainda serão enviadas pelo Ministério da Saúde ao Estado que, por sua vez, as encaminhará aos municípios.

Por enquanto, a vacina está disponível na cidade em quatro postos: Policlínica da Aparecida (Avenida Pedro Lessa, 1.728), das 11h às 15h; Policlínica da Ponta da Praia (Praça 1º de Maio s/nº), das 16h às 19h; Centro de Saúde Martins Fontes (Rua Luiza Macuco, 40), das 9h às 13h; Policlínica da Vila Mathias (Rua Xavier Pinheiro, 284), das 9h às 13h, de segunda a sexta-feira.

Bertioga é outra cidade que já definiu os locais de vacinação. O município aplicará as doses em todas as Unidades Básicas de Saúde, de segunda a sexta-feira, das 9 às 16 horas.

No Dia D (03 e 24 de fevereiro), todas as unidades básicas de saúde e a Vigilância Epidemiológica, vacinarão, das 8 às 17 horas. Será considerada a necessidade de postos volantes.

Peruíbe também divulgou que a Casa da Mulher, no Centro; a UBS do Caraguava e a UBS do Parque do Trevo, na Vila Erminda atenderão a população que quiser se vacinar.

O atendimento será sempre das 8h às 16h, de segunda à sexta-feira. Até o início da campanha, a vacina contra a febre amarela será aplicada somente terças e quintas-feiras na Casa da Mulher, apenas para as pessoas que estejam com viagem marcada para áreas de risco da doença, das 9 às 15 horas.

Em São Vicente os postos de vacinação são a UBS Central, na Av. Antonio Emmerich, 509 - Vila Cascatinha, diariamente - das 9h às 15h e na ESF Humaitá, Rua Alfredo das Neves, s/nº - Humaitá, quinta-feira - das 9h às 15h.

Mongaguá, até o início da campanha, vacina também apenas viajantes, que podem procurar as segundas-feiras a USF Pedreira (Avenida Antonio Cordeiro Mendes, 2014, bairro Pedreira) e as sextas-feiras a USF Flórida Mirim (Avenida Monteiro Lobato, 12.056, bairro Flórida Mirim), das 10 às 11h30, em ambas as unidades.

Em Cubatão, as doses serão aplicadas em Unidades Básicas de Saúde e Unidades de Saúde da Família, de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas. No primeiro e último dia de campanha (3 e 24), sábados, as unidades estarão abertas das 8 às 17 horas para aqueles que não conseguirem se vacinar durante os dias úteis.

Em Itanhaém, haverá vacinação nas Unidades de Saúde da Família, de segunda a sexta-feira.

Quem não pode tomar a vacina?

- Crianças menores de 9 meses, gestantes, mulheres que amamentam bebês de até 6 meses de vida, pacientes com imunodepressão de qualquer natureza, pacientes com câncer, pacientes infectados pelo HIV, pacientes em tratamento com drogas imunossupressoras (corticosteroides, quimioterapia, radioterapia, imunomoduladores) e pacientes submetidos a transplantes de órgãos.

- Pessoas com Disfunção do timo (miastenia gravis, timoma, ausência de timo ou remoção cirúrgica)

- Alergia grave a algum componente da vacina ou à ingestão de ovo

Diário da Copa

RUSSIA 2018
Faltam
dias para a Copa

Colunas

Contraponto