23h : 03min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Sérgio Cabral tenta habeas corpus para deixar Bangu

O pedido foi distribuído ao desembargador Abel Gomes, da 1ª Turma Especializada, e ainda não foi julgado

Comentar
Compartilhar
21 NOV 2016Por Estadão Conteúdo15h14
Cabral foi preso na Operação Calicute, da Polícia FederalFoto: Agência Brasil

A defesa do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), preso desde a última quinta-feira no complexo de Bangu, na zona oeste do Rio, entrou na tarde desta segunda-feira, 21, com pedido de habeas corpus em seu favor. O pedido foi distribuído ao desembargador Abel Gomes, da 1ª Turma Especializada, e ainda não foi julgado.

Cabral foi preso na Operação Calicute, da Polícia Federal, acusado de chefiar uma organização criminosa que, segundo o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio, "saqueou" o Estado durante sete anos (2007-2014), período em que esteve à frente do governo. Os crimes são pertencimento a organização criminosa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro, cartel e fraude em licitação e somam pelo menos 50 anos de prisão.

Colunas

Contraponto

Construtora CredLar