Entrada da Cidade

Bando exigiu R$ 15 mil para resgate de refém em Santos

Professora aposentada de 61 anos foi libertada pela PM na noite de quarta-feira (8) após três tiroteios na cidade; um ladrão morreu e três foram presos

Comentar
Compartilhar
09 AGO 2018Por Gilmar Alves Jr.19h15
Até a tarde de hoje, os três ladrões seguiam internados na Santa Casa de SantosFoto: Reprodução

O bando que sequestrou uma professora aposentada no Boqueirão, na noite de quarta-feira (8), exigiu R$ 15 mil de resgate à família dela antes de ser alcançado pela Polícia Militar na entrada de Santos.

Os assaltantes não conseguiram obter a quantia porque a Polícia Militar já tinha sido avisada sobre o crime e montou dois bloqueios na cidade para interceptá-los no Honda HR-V onde o sequestro era realizado.

De acordo com o registro da ocorrência na Polícia Civil, os bandidos pretendiam retornar para a casa da família para pegarem a quantia de R$ 15 mil e fugirem em um outro carro da família.

Antes do tiroteio na entrada de Santos que terminou com três prisões, duas trocas de tiros ocorreram nos momentos em que os criminosos passaram por dois bloqueios, um na esquina da Avenida Mário Covas com a Rua João Pessoa e outro Praça dos Andradas), ainda de acordo com o registro do caso.

Na Avenida Martins Fontes, próximo ao Cemitério da Filosofia (Saboó), o Honda HR-V onde ela seguia como refém,  pertencente ao filho da professora, foi alcançado após bater em um Monza e em um muro.

Depois da troca de tiros, um dos ladrões, Vinicius Araújo Mesquita, de 18 anos, morreu, e outros três foram detidos e hospitalizados com perfurações por tiros. Uma policial militar ficou ferida na mão após ser atingida por um estilhaço de vidro em uma viatura alvo de tiros.

Até a tarde desta quinta-feira (9), os três ladrões seguiam internados na Santa Casa de Santos, segundo a assessoria de imprensa do hospital.

Kauan Bezerra de Souza, de 18 anos, ferido na cabeça, está na Unidade Terapia Intensiva (UTI) em estado grave. Um adolescente de 16 anos, também ferido na cabeça e em estado grave, segue na UTI em coma induzido, enquanto o outro adolescente, que também tem 16, teve ferimento no abdômen e segue estável na enfermaria.

Terror

A extorsão mediante sequestro da professora aposentada ocorreu o bando assaltar a casa dela, na Rua Doutor Acácio Nogueira, no Boqueirão. Além dela, os bandidos renderam mediante graves ameaças o marido dela, dois filhos e uma nora. Três entraram no imóvel, enquanto um ficou do lado de fora.

Foram subtraídos um televisor, um laptop, dois relógios, quatro celulares, R$ 250,00 e documentos. Todo o material roubado foi recuperado pela PM no Honda HR-V.

 
 

Colunas

Contraponto