Entrada da Cidade

Apontado como líder do PCC em São Roque é preso em Santos

Policiais do 3º DP de Santos (Ponta da Praia) agiram após obterem informações de colegas de São Roque

Comentar
Compartilhar
08 NOV 2018Por Gilmar Alves Jr.17h02
A investigação foi desenvolvida por policiais do 3º DP, que agiram sob o comando da delegada titular, Edna Pacheco Fernandes GarciaFoto: Rodrigo Montaldi/DL

Foragido da Justiça desde 2016 e apontado pela Polícia Civil como líder do Primeiro Comando da Capital (PCC) em São Roque, no interior paulista, o pedreiro Sidnei Aparecido de Souza, de 31 anos, foi preso na quarta-feira (7) por investigadores do 3º Distrito Policial de Santos na Rua Aureliano Coutinho, no Embaré.

Sidnei prestaria um serviço autônomo de pedreiro, por volta das 10h, quando foi surpreendido pelos policiais Orlando Rollo e Adriano Jorge de Mattos (chefe dos investigadores), que realizaram uma campana após obterem informações de policiais civis de São Roque.  A ação que resultou na captura foi feita sob o comando da delegada Edna Pacheco Fernandes Garcia, titular do 3º DP.

De acordo com Rollo, Sidnei  tem passagens por estupro, roubo, tráfico de drogas e receptação. “Ele estava evadido do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de  Bauru II desde 28 de março de 2016”, declarou.

Ainda de acordo com o policial civil, Sidnei é investigado por envolvimento em furtos e receptação de moto na área do 3º DP, que abrange, além da Ponta da Praia, os bairros Macuco, Estuário, Embaré e Aparecida.

Os investigadores apreenderam o celular  do capturado e a motocicleta dele. 

Após a captura ser registrada no 3º DP, Sidnei foi recolhido à cadeia anexa ao 5º DP (Bom Retiro). Até o registro da prisão, o acusado ainda não  tinha advogado. 

 

Colunas

Contraponto