Praia Grande terá reforço da Polícia Militar no próximo feriado

O anúncio foi feito pelo comandante da PM na região durante evento na Associação Comercial e Empresarial da Cidade.

8 NOV 2012 • 11h32

Cem policiais vão reforçar o efetivo da Polícia Militar em Praia Grande durante o feriado da Proclamação da República, comemorado no dia 15 de novembro. O anúncio foi feito na manhã de ontem pelo comandante do CPI-6 (Comando de Policiamento do Interior – 6), coronel Marcelo Afonso Prado, durante evento realizado na Associação Comercial e Empresarial de Praia Grande.

O reforço vem ao encontro das frequentes reivindicações feitas pelo prefeito de Praia Grande, Roberto Francisco dos Santos, junto ao Governo do Estado.

A medida será possível, segundo o comandante, graças à liberação de efetivo administrativo, vindo da Capital, para executar as atividades internas e também ao Batalhão Acadêmico, formado por alunos da Academia do Barro Branco.
 
“Em virtude da demanda que Praia Grande apresenta, fizemos essa solicitação direto ao comando da PM no Estado. Serão 100 policiais a mais e 15 viaturas divididos em dois bolsões de atuação: orla da praia e ruas internas. A intenção é oferecer mais segurança por meio de um trabalho integrado com a Guarda Civil Municipal e também Polícia Civil”.
 
O café da manhã mensal da Associação Comercial e Empresarial de Praia Grande foi realizado para dar as boas vindas ao coronel, que assumiu o CPI-6 no primeiro semestre deste ano, e foi uma oportunidade para a apresentação de algumas questões relacionadas à segurança pública no Município.
 
 
Uma dessas questões é a integração entre a Guarda Civil Municipal (GCM) e a Polícia Militar, conforme explicou o comandante do 45º Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento da Cidade, tenente-coronel José Messina. “A ideia é fazer um planejamento, evitando que policiais e GCMs estejam nos mesmos lugares”.
 
Para o subsecretário de Assuntos de Segurança Pública de Praia Grande, José Américo Franco Peixoto, que representou o prefeito Roberto Francisco no evento, os esforços para a vinda do reforço são muito positivos. “Praia Grande recebe um número de turistas muito grande mesmo em finais de semana comuns. Daqui pra frente, será sempre assim com a proximidade da temporada. A Prefeitura está fazendo sua parte, colocando escalas extras da GCM e reivindicando recursos junto ao Governo do Estado, embora nem sempre seja atendida. Esperamos que o feriado e a temporada de verão sejam tranquilos”. 
 
Com relação à temporada, Messina observou ainda que foi solicitada a vinda de 300 homens para a Operação Verão, número que ainda não foi confirmado pelo comando da PM. “Em 2011, foram 270 policiais militares que permaneceram na Cidade por meio de convênio com a Prefeitura”.
 
O evento contou ainda com a presença do delegado-titular do 1º DP da Cidade, Luiz Evandro Medeiros, do vice-presidente da Associação Comercial de Praia Grande, Alaor Artur da Silva, além de comerciantes e empresários da Cidade.