Promo DL

Brasileira que vive no México relata que chão tremeu por cinco minutos

Natália Zerbato não ouviu o alarme sismológico e foi acordada por seu colega de quarto antes de sair do prédio em que mora

Comentar
Compartilhar
09 SET 2017Por Folhapress12h30
Terremoto de magnitude 8,1 atingiu o México na noite desta quinta (7)Foto: Associated Press

Moradora da Cidade do México há três anos, a administradora comercial Natália Zerbato, 26, já estava dormindo quando o terremoto de magnitude 8,1 atingiu o país na noite desta quinta (7) -madrugada de sexta (8) no Brasil.

Ela não ouviu o alarme sismológico e foi acordada por seu colega de quarto antes de sair do prédio em que mora. Mas afirma à reportagem que o tremor, para ela, foi só um susto.

Veja o depoimento abaixo:

"O alarme de terremoto tocou perto da meia-noite. Todos os bairros da Cidade do México têm esse alarme, mas eu já estava dormindo e não ouvi.

Meu colega de quarto me acordou e descemos despreparados de pijama. Talvez por não ter terremoto no Brasil, eu não fui ensinada a me preparar para essa situação e meu prédio não tem porteiro ou segurança para guiar a gente.

Moro perto do aeroporto, em um bairro em que não sentiu muito o terremoto de 1985 e, de novo, não foi muito afetado.

Senti o chão se mexer por aproximadamente cinco minutos e usávamos as poças de água como referência para ver se o terremoto continuava ou não.

Hoje, todos estávamos assustados, mas, ao mesmo tempo, aliviados ao perceber que a cidade se preparou para esse tipo de terremoto depois da tragédia de 1985.

A única coisa que eu tenho que pensar agora é em deixar preparada uma bolsa com meus documentos e coisas básicas."

Colunas

Contraponto