Entrada da Cidade

Guarujá firma parceria com Senac para 33 cursos de capacitação profissional

A capacitação é destinada as pessoas atendidas pelos serviços socioassistencias e beneficiários do Bolsa Família.

Comentar
Compartilhar
12 JAN 2018Por Da Reportagem19h10
Guarujá firma parceria com Senac para 33 cursos de capacitação profissionalFoto: Divulgação/Helder Lima/PMG

Com o objetivo de proporcionar capacitação profissional para a população atendida nos serviços socioassistencias, o prefeito de Guarujá, Válter Suman assinou na última quinta-feira (11), um contrato junto ao Serviço Nacional de Aprendizagem do Comércio (Senac), que vai ofertar 33 cursos, que totalizam 2500 vagas. A reunião aconteceu no Senac Santos (Avenida Conselheiro Nébias, 309 - Vila Mathias).

A iniciativa é uma parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social (Sedeas) de Guarujá e o Senac. A previsão é que na segunda quinzena de março os cursos já estejam funcionando, sendo o público alvo pessoas atendidas pelos serviços socioassistencias e beneficiários do Bolsa Família.

“É com muita honra que Guarujá recebe o Senac, uma entidade tradicional. O nosso foco é a geração de emprego, renda e oportunidade. Que essa parceria abra muitas portas”, declarou o prefeito, Válter Suman.

A meta é inserir a comunidade em ações de formação e aprimoramento das relações humanas e profissionais em uma ação que vai além do instrumentalizar o cidadão e fazer com que as pessoas reconheçam seus direitos sociais como estratégia de proteção social, inclusão e autonomia.

“A educação é o que transforma. Estamos chegando para fazer a diferença na vida das pessoas que participarão dos nossos cursos”, ressaltou a gerente regional do Senac, Cássia Coimbra.

Para o secretário de Desenvolvimento e Assistência Social, Marcos Pereira de Azevedo, o curso é uma grande conquista. “Essa é uma das nossas maiores ações, em uma época que só se fala em desemprego, nós vamos proporcionar à população oportunidade de capacitação. É uma possibilidade real para que os nossos munícipes saiam da situação de desemprego e  melhorem a sua renda familiar”, afirmou o secretário.

Cursos

Entre os cursos ofertados estão: Direitos Humanos e Socioassistenciais da Pessoa Idosa; Maturidade: Envelhecer: uma etapa do Ciclo de Vida; Memória Social e Comunitária; Inclusão de Pessoas com Deficiência; Como se sair bem em uma entrevista de trabalho; Autodesenvolvimento: Plano Profissional; Direitos e deveres de crianças e adolescentes; Preparação para o mundo do Trabalho; O papel fundamental da mulher na família; Pais e filhos: é possível educar sem agredir; Caminhos para uma convivência familiar saudável; Cultura de Paz; Famílias: desafios e potencialidades; Lidando com a deficiência; Oficina de cultura de paz; Técnicas básicas de maquiagem na produção pessoal e Sensibilização comunitária.

Além disso, o público vai contar com cursos de: Cultivo de hortas; Unhas artísticas; Design de sobrancelhas com retirada de pelos com pinça e correção com henna; Aproveitamento integral de alimentos; Corte, Tempero e preparo de carnes; Conceitos básicos em manipulação de alimentos; Técnicas básicas em confeitaria; Padeiro confeiteiro; Docinhos para festa; Forno e fogão; Higiene na manipulação de alimentos e Oficina de bombom.

 

Colunas

Contraponto