Entrada da Cidade

Fortaleza da Barra recebe Oficina Fortificações Brasileiras nesta segunda (18)

Atividade acontece junto à visita de comitiva do IPHAN

Comentar
Compartilhar
14 JUN 2018Por Da Reportagem15h28
a Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande foi, por 320 anos, o principal ponto de defesa do Porto e da Vila de SantosFoto: Helder Lima/PMG

A Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande receberá na segunda-feira (18) uma comitiva do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A visita tem como intuito a oficialização do processo de candidatura da fortificação para a lista de Patrimônios Mundiais da Unesco. Neste dia, às 14h30, será realizada a Oficina Fortificações Brasileiras, com atividades para os visitantes.

Durante a tarde será realizada uma palestra do coronel Elcio Secomandi, que falará sobre a importância das fortificações para a Baixada Santista, dando ênfase para a Fortaleza da Barra, uma das 19 fortificações mais importantes do Brasil, indicada pelo Unesco e pelo Iphan. Além disso, acontecerá uma apresentação da banda da 2ª Brigada de Artilharia Antiaérea e uma visita monitorada pelo quartel e pelo casarão.

Para participar da oficina, é necessário confirmar presença enviando um e-mail para [email protected]

A Fortaleza fica localizada na Rua Messias Borges, 380 – Santa Cruz dos Navegantes.

Fortaleza da Barra

Construída durante a unificação das coroas portuguesas e espanhola, mais precisamente no ano de 1584, a Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande foi, por 320 anos, o principal ponto de defesa do Porto e da Vila de Santos.

Atualmente, o local é o conjunto arquitetônico militar preservado mais importante do estado de São Paulo. Lá funciona o primeiro museu de Guarujá, que tem como objetivo promover a valorização e a preservação do patrimônio cultural e memória histórica da Cidade.

Colunas

Contraponto