Promo DL

Câmara aprova projetos de praias e bairros de Andressa Sales

Os dois projetos visam garantir a preservação das praias da Cidade e trazer mais cultura e lazer aos bairros

Comentar
Compartilhar
12 SET 2017Por Da Reportagem11h30
Andressa Sales se inspirou na iniciativa ‘Ruas Abertas’ do ex-prefeito de São Paulo Fernando HaddadFoto: divulgação/câmara de Guarujá

Vereadores de Guarujá aprovaram, por unanimidade, dois projetos de leis, ambos de autoria da vereadora Andressa Sales (PSB), que visam garantir a preservação das praias da Cidade e trazer mais cultura e lazer aos bairros. Tratam-se, respectivamente, do PL 122/2017, que institui o programa ‘Praias eu amo, eu Cuido’; e do PL 123/2017, que institui o programa ‘Ruas Abertas’. As duas matérias foram aprovadas por unanimidade e, agora, seguem para análise do Prefeito do Município, Válter Suman (PSB).

No caso do programa ‘Praias eu amo, eu Cuido’, a vereadora explica que a iniciativa é inspirada em uma experiência de sucesso, realizada em São Sebastião. Através de placas educativas e explicativas, espalhadas por toda a extensão, a Prefeitura tem conscientizado a população sobre a importância da separação dos lixos, tanto orgânico quanto reciclável, e como se deve utilizar as sacolas de maneira correta para auxiliar nesse trabalho.

“A partir da distribuição de sacolas e materiais de conscientização à população e seus visitantes, grandes resultados tem sido obtidos por lá, e eu tenho certeza que podemos incorporar essa experiência com o mesmo sucesso e eficácia”.

Bairros

Já no caso do programa ‘Ruas Abertas’, a iniciativa é inspirada em experiência realizada na Capital, durante a gestão do ex-prefeito Fernando Haddad (2013-2016), e consiste em trazer para diversos bairros da cidade a cultura e o lazer gratuito, aos domingos e feriados, durante todo o dia.

“O Município de Guarujá tem que seguir os mesmos passos, cultivando a tolerância mais do que nunca, com possibilidades de encontros, entendimentos e comunhão. Portanto, são coisas que marcam a vida dos cidadãos e trazem um legado para uma cidade turística conhecida por sua diversidade e sua receptividade”, argumenta a parlamentar.

 

Colunas

Contraponto