Entrada da Cidade

Alunos da APAAG têm tarde de lazer no Programa Praia Acessível

Iniciativa da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer disponibiliza cadeiras adaptadas na Praia das Pitangueiras, em frente à Praça das Bandeiras

Comentar
Compartilhar
13 ABR 2018Por Da Reportagem14h52
O "Praia Acessível" é realizado de quinta a domingo, das 10 às 15 horasFoto: Helder Lima/PMG

Superar seus limites e propiciar um banho de mar com o auxílio de cadeiras adaptadas é o intuito do Programa Praia Acessível, que recebeu na última quarta-feira (11), os alunos da Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Guarujá (Apaag), na praia de Pitangueiras. A ação, que conta com cadeiras anfíbias (adaptadas para o banho de mar), é uma iniciativa da Prefeitura de Guarujá, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (Seela).

Um dos limites superados foi o de Viviane Pinheiro, aluna da Associação, que destaca a sua paixão pelo mar. "Gosto de todas as praias do Guarujá, mas eu tinha muito medo, pois o mar é perigoso. Mas poder entrar na água com a ajuda da cadeira me deu coragem de tomar um banho de mar.", exaltou.

O "Praia Acessível" é realizado de quinta a domingo, das 10 às 15 horas, e dentro do programa, além do banho de mar assistido, os participantes podem se divertir praticando modalidades esportivas como o vôlei sentado, surf adaptado, handbike e frescobol adaptado.

Corine Antunes, vice-presidente da Apaag, destacou a importância do programa para os alunos da Associação. "Esse projeto é de grande importância, pois nossos alunos são limitados, eles não são acostumados a vir na praia e muitos até têm medo de entrar no mar, mas o que realmente vale é a integração e a superação de seus medos, e o programa propicia essa adrenalina pra eles", concluiu.

De acordo com o diretor de eventos da Seela, José Roberto Galvão "o Programa Praia Acessível é de suma importância para o nosso município, pois proporciona à pessoa com algum tipo de deficiência, a oportunidade de ir para a praia, sentir a areia, entrar no mar em um equipamento de segurança e com pessoas treinadas. Esse programa traz alegria, sociabilidade, entrosamento entre a equipe e a família, por isso é um projeto que a Secretaria de Esportes e a Prefeitura de Guarujá executa com muito amor e dedicação", afirmou.

Colunas

Contraponto