Promo DL

São Paulo volta a falhar e cede empate ao lanterna Atlético-GO

Para fins práticos, ainda que chegue ao oitavo jogo sem vitória, ao menos o ponto somado fez o time da casa subir para o 17º lugar, ultrapassando Vitória e Avaí

Comentar
Compartilhar
13 JUL 2017Por Folhapress21h45
São Paulo e Atlético-GO apenas empataram no MorumbiFoto: Divulgação/São Paulo FC

Em sua primeira partida sob a orientação de Dorival Júnior, o São Paulo repetiu sua inconstância e empatou com o Atlético-GO por 2 a 2, nesta quinta (13), no Morumbi, pela 13ª rodada. Para fins práticos, ainda que chegue ao oitavo jogo sem vitória, ao menos o ponto somado fez o time da casa subir para o 17º lugar, ultrapassando Vitória e Avaí. A equipe manteve também quatro pontos de vantagem para o lanterna de Goiânia.

Os 31.333 torcedores que foram ao Morumbi incentivar o time certamente esperavam outro resultado, porém. O Atlético-GO de Doriva marcou bem, fechado, dando poucos espaços. Da forma como o técnico fez em seus trabalhos de melhor resultado, como pelo Ituano campeão paulista em 2014. Ainda assim, o time goiano tem a quarta pior defesa da competição. Não é exatamente uma fortaleza.

Com exceção do forte ritmo são-paulino nos primeiros 15 minutos do segundo tempo, que resultou em gol de Petros aos 13 min, e de um desesperado abafa nos minutos finais da partida, o time da casa não produziu muitas situações de perigo para o goleiro Felipe.

Um detalhe no primeiro gol são-paulino é que a arbitragem deixou de validar uma finalização de Lucas Pratto, no arremate anterior ao do meio-campista, sem reparar que a bola ultrapassou a linha. Desta forma, oficialmente, o argentino segue sem marcar pela equipe desde 8 de junho.

Vindo do banco, numa rara finalização de fora da área, o meia-atacante Marcinho fez o segundo, aos 39 min.

Nas duas vezes, porém, em que esteve à frente do placar, o São Paulo prontamente cedeu o empate aos visitantes, aos 20 e 41 min.

Depois de apenas três dias de treino, Dorival não conseguiu mexer muito nas engrenagens do time, que novamente tomou dois gols em decorrência de falhas individuais.

De volta ao time titular, numa das principais mudanças do técnico, o peruano Cueva tentou sair jogando na entrada da área, após um escanteio, e errou seu passe. Niltinho aproveitou o deslize e bateu com categoria, no canto esquerdo, fazendo 1 a 1.

O segundo empate veio de calcanhar, com Everaldo aproveitando sobra na grande área. A zaga do São Paulo não conseguiu afastar a bola.

Colunas

Contraponto