02h : 01min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Para seguir com ‘sonho impossível’, Santos pega o Fla no Maracanã

Após ficarem no empate com o Cruzeiro, no Mineirão, os santistas viram o Palmeiras abrir seis pontos de vantagem na liderança

Comentar
Compartilhar
27 NOV 2016Por Gazeta Press14h30
Renato será titular contra o Flamengo neste domingo, às 17h, no MaracanãFoto: Ivan Storti/SFC

Quando encontram seu clube em uma situação complicada, os torcedores mais fanáticos sempre bradam a frase ‘enquanto houver 1% de chance, teremos 99% de fé’. E é exatamente nisso que o Santos se apega para encarar o Flamengo, neste domingo, às 17h (de Brasília), no Maracanã, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após ficarem no empate com o Cruzeiro, no Mineirão, os santistas viram o Palmeiras abrir seis pontos de vantagem na liderança, faltando apenas dois jogos para o término do torneio nacional.

Com o tropeço em Minas, o Peixe precisa operar quase um milagre para levar a taça. Agora, para seguir sonhando até a última rodada, os comandados de Dorival Júnior têm a obrigação de bater o Rubro-Negro e ainda torcer por uma derrota do Verdão para os reservas da Chapecoense, no Allianz Parque, também no domingo, às 17h (de Brasília). Caso não vença no Rio, o alvinegro verá o rival conquistando o título.

Além de manter o sonho do caneco, o duelo contra o Fla também terá um outro valor. Afinal, uma vitória confirma o Santos como vice-campeão do Brasileiro, o que garantiria R$ 10,7 milhões de premiação da CBF. A quantia é exatamente R$ 3,4 milhões maior que o prêmio do terceiro lugar.

“Queremos ser campeões, claro. Precisamos ir para o Maracanã pensando em vencer, e torcer por um grande jogo da Chapecoense. Se não acontecer, temos que vencer por jogar no Santos, e estaríamos focados em vencer mesmo se não estivéssemos brigando. Ser segundo lugar e classificar direto em competição difícil, com muitos problemas que enfrentamos, estaria de bom tamanho também”, afirmou o lateral-direito Victor Ferraz.

E para o embate deste domingo, o técnico Dorival Júnior deve promover apenas uma mudança em relação ao time que empatou com o Cruzeiro. Após falhar no primeiro gol da Raposa e ser substituído ainda no primeiro tempo, Fabián Noguera foi sacado da equipe titular. Com isso, Yuri formará a dupla de zaga com David Braz. Apesar de ser volante de origem, o jovem de 22 anos também pode fazer a função de zagueiro.

A única ausência no Peixe será a do meia Jean Mota. O jogador levou o terceiro cartão amarelo no duelo contra o Cruzeiro e nem viaja para o Rio de Janeiro.

O time titular que treinou durante a semana e que deve pegar o Rubro-Negro é formado por: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Yuri e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.

O Flamengo, por sua vez, já foi alijado da disputa do título com o empate por 2 a 2 com o Coritiba, está na terceira posição com 67 pontos e ganhando se garante matematicamente na zona de grupos da próxima Copa Libertadores. Além disso, a equipe também pode atrapalhar os planos do Peixe, que tem 68 pontos e ainda luta para impedir o título do Palmeiras, líder com seis pontos a mais.

Fora da disputa pela taça, o meia Diego tem procurado manter a motivação em alta no Rubro-Negro. “O Flamengo tem respeito pela competição porque sabemos que existem outros times interessados no resultado dos nossos jogos e temos que honrar o campeonato e a camisa do Flamengo. Posso assegurar que vamos fazer de tudo para vencer o Santos no fim de semana e o Atlético Paranaense na última rodada”, garantiu.

Já o zagueiro Réver pretende diminuir os espaços do campo para impedir que o alvinegro imponha seu estilo de jogo no Maracanã. “A qualidade do time do Santos é inegável e por isso mesmo precisamos ficar atentos e não podemos vacilar de jeito nenhum. Vamos enfrentar um dos mais fortes rivais deste Campeonato Brasileiro, que conta com jogadores em condições de decidir se tiverem espaço. Vamos trabalhar com muita concentração para que a gente não proporcione o erro que eles tanto esperam de nós – avisou”, disse o defensor.

Para este jogo, o Flamengo ainda não sabe se vai escalar o meia Gabriel, que luta contra um incômodo na coxa direita. Se ele for vetado, Fernandinho é o favorito para a vaga. O restante do time será o mesmo que empatou com o Coxa.

Com isso, o técnico Zé Ricardo deve escalar o Rubro-Negro com: Alex Muralha, Pará, Rafael Vaz, Réver e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão, Diego, Gabriel (Fernandinho) e Everton; Paolo Guerrero.

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO X SANTOS

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 27 de novembro de 2016, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadao (GO)
Assistentes: Alessandro A Rocha de Matos (BA/FIFA) e Bruno Raphael Pires (GO/FIFA)

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Rafael Vaz, Réver e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão, Diego, Gabriel (Fernandinho) e Everton; Paolo Guerrero.
Técnico: Zé Ricardo.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Yuri e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.
Técnico: Dorival Júnior

Colunas

Contraponto

Construtora CredLar