16h : 52min

Assine o Diário e o Santista por R$8 por mês no plano atual

Ouros de Joanna, Léo de Deus e Felipe França, da Unisanta, marcam a 3ª etapa do Finkel

Com três medalhas de ouro e duas de prata (cinco pódios), a Unisanta fecha a noite na 3ª colocação geral, com 927 pontos

Comentar
Compartilhar
11 AGO 2017Por Da Reportagem17h30
Léo de Deus foi o campeão dos 200m borboletaFoto: Claudia Busto/Divulgação Unisanta

A equipe de natação da Universidade Santa Cecília (Unisanta), em Santos, conquistou cinco medalhas na 3ª etapa do Campeonato Brasileiro Absoluto de Natação – Troféu José Finkel 2017, realizada no Parque Aquático da instituição. Felipe França, Joanna Maranhão e Leonardo de Deus foram os grandes destaques da equipe ceciliana na noite desta quinta-feira (10).

Nos 200m borboleta deu Unisanta no feminino e no masculino. Joanna Maranhão liderou a prova de ponta a ponta e completou os 200m borboleta feminino com um segundo acima do recorde do campeonato que já é dela (2m09s41). A nadadora da Unisanta garantiu o ouro com o tempo de 2m10s41. Completaram o pódio, Virgínia Bardach, do Minas Tênis, em 2º lugar, com o tempo de 2m14s79, e Giovanna Tominak, do Pinheiros (2m15s37), na 3ª colocação.

"Estou tentando forçar mais a segunda pernada e mudar meu estilo. É uma questão de treino e continuidade. Estou muito feliz, são mudanças que devem ser feitas. Preciso fazer um nado mais inteligente, já que estou com 30 anos", explicou Joanna.

No masculino, Léo de Deus foi o campeão dos 200m borboleta, ao finalizar a prova com o tempo de 1m56s79. A prata ficou com Kauê Carvalho, do Corinthians (1m58s40) e o bronze foi para Kaio Márcio de Almeida, do Minas Tênis (1m58s79).

Léo já havia vencido os 200m borboleta nos Troféus Maria Lenk deste ano e José Finkel, no ano passado. O nadador fez uma prova diferente, controlada e mostrou que deu a volta por cima em seu desempenho obtido no Mundial de Budapeste (14º lugar).

"O Mundial serviu de aprendizado para eu modificar a prova. Tentei fazer uma respiração diferente, com outra estratégia e deu certo. No Mundial, nadei de manhã e senti muito as costas. Não foi uma lesão, mas eu estava debilitado. Essa é uma prova que tenho que modificar com estratégias para me dar novos ares. Tomara que eu consiga melhorar e nadar cada vez mais rápido os 200m borboleta", disse Léo.

Felipe França também teve um ótimo resultado e garantiu o ouro para a Unisanta nos 50m peito masculino, com o tempo de 27s27. João Gomes Junior, do Pinheiros (27s31) e Felipe Lima, do Minas Tênis (27s38), ficaram em 2º e 3º lugar, respectivamente.   

"É uma vitória importante e mostra que estamos no caminho certo. Agradeço a força que a Unisanta, o técnico Márcio Latuf e o biomecânico José Nilton me dão. Estou dando 100% para entrar no Open, nas provas de 100m e 50m", afirmou o nadador.

Pratas - Nos 50m peito feminino, Julia Sebastian obteve a medalha de prata. A atleta argentina, que representa a Unisanta, concluiu a prova em 31s47. Jhennifer Conceição, do Pinheiros (31s09), ficou em 1º lugar e Macarena Ceballos, do Minas Tênis (31s88), em 3º.

Já nos 50m costas feminino, Andreia Berrino ficou com a prata ao concluir a prova com o tempo de 28s73. O ouro foi para Etiene Medreiros, do Sesi-SP (28s44) e o bronze para Natalia de Luccas, do Pinheiros (29s59).

Quadro Geral - Após a 3ª etapa, a Unisanta mantém a 3ª colocação na pontuação geral, com 927 pontos. Até o momento a equipe conquistou oito medalhas de ouro, cinco de prata e quatro de bronze. A liderança do Finkel está com o Pinheiros (1576,50 pontos) e na segunda posição, o Minas Tênis (1098,50).

Troféu José Finkel – O Parque Aquático do Complexo Educacional Santa Cecília sedia a 46ª edição do Troféu José Finkel / Taça Correios até o próximo sábado (12), com a presença de diversos medalhistas brasileiros que disputaram o Mundial de Esportes Aquáticos de Budapeste. Participam da competição cerca de 300 atletas, de 42 clubes e 13 estados diferentes. A Unisanta participa do Troféu José Finkel com 32 atletas.

Colunas

Contraponto