21h : 43min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

FIFA rejeita processos movidos pelo Santos contra Neymar e Barcelona

A entidade máxima do futebol entende que o time catalão não infringiu regulamento ao engatilhar transferência, em 2011. O Peixe irá recorrer em segunda instância

Comentar
Compartilhar
12 JUL 2017Por Alyson Gonçalo17h08
A FIFA, entidade máxima do futebol mundial, rejeitou os processos movidos pelo clube contra o atacante Neymar, seu pai, as empresas da família e o BarcelonaFoto: Divulgação

O Santos sofreu uma dura derrota na Justiça esportiva. Na noite da última terça-feira (11), a FIFA, entidade máxima do futebol mundial, rejeitou os processos movidos pelo clube contra o atacante Neymar, seu pai, as empresas da família e o Barcelona. O Peixe pediu ressarcimento por suposta irregularidade na venda do jogador ao time catalão, em agosto de 2014.

“Em decisão publicada hoje [terça-feira], a entidade máxima do futebol mundial julgou improcedente todos os pedidos do clube brasileiro em ação movida contra Neymar Jr, seu pai e o FC Barcelona”, divulgou a empresa do atacante em nota oficial.

O processo teve início em maio de 2015, pouco depois do presidente Modesto Roma Júnior assumir a presidência do clube. Segundo o mandatário, os espanhóis desrespeitaram o regulamento da FIFA e assinaram uma garantia de compra do atleta – sem consentimento do clube –, em 2011, quando o brasileiro ainda tinha três anos de contrato pela frente.

O Departamento Jurídico do clube promete recorrer à segunda instância em até 30 dias. Caso a decisão seja mantida, o Peixe ainda poderá apelar à Corte Arbitral do Esporte (CAS).

Colunas

Contraponto