Entrada da Cidade

Cuca tem semana livre para definir substitutos de três titulares suspensos

O treinador precisa encontrar substitutos para três titulares importantes da equipe: Gabigol, artilheiro do Brasileiro, com 16 gols, Victor Ferraz e Diego Pituca

Comentar
Compartilhar
06 NOV 2018Por Folhapress09h00
Cuca concedeu dois dias de folga ao elenco santistaFoto: Divulgação/Santos FC

Após a derrota no clássico contra o Palmeiras por 3 a 2 no último sábado (3), no Allianz Parque, o Santos volta aos trabalhos nesta terça-feira (6), no CT Rei Pelé.

O técnico Cuca concedeu dois dias de folga ao elenco santista, pois terá a semana livre para montar o time que encara a Chapecoense na próxima segunda-feira (12), no Pacaembu, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O treinador precisa encontrar substitutos para três titulares importantes da equipe: o atacante Gabigol, artilheiro do Brasileiro, com 16 gols, o lateral Victor Ferraz, capitão alvinegro, e o volante Diego Pituca, principal revelação do Santos ao lado de Rodrygo nesta temporada.

Para o lugar de Victor Ferraz, o treinador não deve fazer mistério. Daniel Guedes, antigo titular do time, na época de Jair Ventura, é a única opção para vaga do capitão santista.

No lugar de Diego Pituca, Cuca pode conceder uma nova oportunidade ao costarriquenho Bryan Ruiz, que cresceu de rendimento nos últimos jogos. Mas caso queira uma opção menos ousada, ele pode escalar Yuri, Renato, Jean Mota e até o jovem Guilherme Nunes.

A vaga de Gabigol é a mais concorrida. Eduardo Sasha é considerado o jogador ideal para substituir o camisa 10, pois também sabe atuar centralizado, como centroavante de origem. No entanto, Bruno Henrique, Copete e Arthur Gomes são fortes candidatos para o setor.

O Santos não pode tropeçar diante da Chapecoense pois briga para entrar no G-6 do Brasileiro e, consequentemente, disputar a Copa Libertadores de 2019.

A equipe santista está na sétima colocação, com 46 pontos, o mesmo número de pontos do Atlético-MG, na sexta colocação. No entanto, o clube mineiro possui uma vitória a mais: 13 contra 12.

Outro concorrente santista por uma vaga na Libertadores é o Atlético-PR, que soma 43 pontos na nona colocação.

Colunas

Contraponto