Débitos prefeituras

Com dicas de Autuori, M. Guilherme quer 'continuar por muito tempo' no SP

Contratado no dia 20 de julho, o atacante balançou as redes logo em sua estreia, contra o Botafogo

Comentar
Compartilhar
09 OUT 2017Por Folhapress15h33
Contratado no dia 20 de julho, o atacante balançou as redes logo em sua estreia, contra o BotafogoFoto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Autor do gol da vitória do São Paulo sobre o Sport, na última rodada do Campeonato Brasileiro, Marcos Guilherme não precisou de muito tempo para se adaptar ao clube. Contratado no dia 20 de julho, o atacante balançou as redes logo em sua estreia, contra o Botafogo. Para se sentir em casa tão rapidamente, o atacante contou com conselhos de alguém que conhece muito bem os bastidores do Morumbi, o ex-treinador Paulo Autuori.

"Quando acertei com o São Paulo, a primeira pessoa que veio à cabeça foi o Paulo. Trabalhei com ele no Atlético-PR e é um cara muito identificado com o São Paulo, um campeão de Libertadores e do mundo [em 2005]. Ele tem uma história aqui dentro. Então, peguei dicas com ele, que me passou coisas que são importantes para mim. Deixa para mim o que ele passou [risos]. É um cara sensacional, que me ajudou muito quando estava no Atlético, também", disse Marcos Guilherme, em entrevista exclusiva ao UOL Esporte.

O atacante, de 22 anos, estava no Dínamo Zagreb, da Croácia, e foi emprestado pelo Atlético-PR, dono dos seus direitos, até o fim da temporada 2018. São-paulino desde a infância e bem adaptado ao clube, Marcos Guilherme já pensa em renovar o vínculo com o time, mesmo com o time longe de viver um bom momento no Brasileiro. Após o triunfo sobre o Sport, a equipe soma 31 pontos em 26 partidas, na 14ª posição.

"A ideia é continuar no São Paulo, sem dúvida. Eu me sinto em casa, todos me receberam muito bem.

Estou jogando à vontade. Se depender de mim, quero continuar por muito tempo", afirmou o jogador, que marcou quatro gols em dez partidas disputadas com a camisa tricolor.

Colunas

Contraponto