23h : 03min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Bolt diz que foi difícil se motivar para treinamentos da Rio-2016

O velocista afirmou que a carga de trabalho que ele tinha antes da Olimpíada trazia muita pressão e stress e já não era mais divertido

Comentar
Compartilhar
28 NOV 2016Por Folhapress21h00
O atleta ganhou três medalhas de ouro na Rio-2016 e se aproxima de sua última temporada na categoriaFoto: Divulgação

O jamaicano Usain Bolt, admitiu nesta segunda-feira (28) que teve dificuldades de se motivar para treinar antes da Rio-2016.

De acordo com o jornal inglês "The Guardian", o velocista afirmou que a carga de trabalho que ele tinha antes da Olimpíada trazia muita pressão e stress e já não era mais divertido.

"Mas agora a pressão se foi e estou muito mais relaxado e feliz para treinar, porque eu sei que não vai mais ser tão intenso", afirmou Bolt, durante o lançamento do filme que fala sobre sua carreira, "I Am Bolt".

O atleta ganhou três medalhas de ouro na Rio-2016 e se aproxima de sua última temporada na categoria.

Bolt também confirmou que vai treinar com o time de futebol Borussia Dortmund, possivelmente no fim da temporada 2017-2018. "É algo que sempre quis ver se sou bom. Vou treinar um pouco pra ver se valho a pena", disse.

Além disso, o jamaicano confirmou ter conversado com o presidente da IAAF (sigla em inglês para a Federação Internacional de Atletismo), Sebastian Coe, sobre assumir um cargo de embaixador depois de se aposentar.

Colunas

Contraponto

Construtora CredLar