21h : 53min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Inscrições para Encceja destinado a residentes no exterior vão até amanhã

A participação é voluntária e gratuita, destinada a quem não concluiu os estudos em idade apropriada

Comentar
Compartilhar
16 JUL 2017Por Agência Brasil20h00

Os brasileiros residentes no exterior que quiserem fazer o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) têm até as 23h59 da próxima segunda-feira (17) para fazer a inscrição. A participação é voluntária e gratuita, destinada a quem não concluiu os estudos em idade apropriada. A inscrição está disponível na página eletrônica do exame: http://sistemasencceja2.inep.gov.br/exterior

O Encceja Exterior 2017 será aplicado no dia 10 de setembro nos Estados Unidos (Boston, Nova Iorque e Miami), na Bélgica (Bruxelas), na Guiana Francesa (Caiena), em Portugal (Lisboa), na Suíça (Genebra), na Espanha (Madri), no Reino Unido (Londres), na França (Paris), na Holanda (Amsterdã) e no Japão (Nagóia, Hamamatsu e Ota). O exame também será realizado em unidades prisionais em Tóquio (Japão) e em Caiena (Guiana Francesa), entre os dias 11 a 22 de setembro.

Para que servem os resultados

Os resultados do Encceja podem ser utilizados para a certificação de conclusão de ensino fundamental ou do ensino médio ou para emissão da declaração de parcial de proficiência. Para a certificação do ensino fundamental, o candidato deve ter 15 anos completos na data da realização da prova e para a do ensino médio, a idade é de pelo menos 18 anos. A prova será aplicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em parceria com o Ministério das Relações Exteriores e com as representações diplomáticas do Brasil nos locais de aplicação.

Para quem mora no Brasil, as inscrições para o Encceja começam no dia 7 de agosto e a prova será realizada no dia 8 de outubro. A partir deste ano, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) não poderá mais ser usado para a certificação de conclusão do ensino médio, e que feita exclusivamente pelo Encceja.
 

Colunas

Contraponto