No Dia Internacional da Mulher, Guarujá anuncia criação de instituto

A notícia foi dada pela coordenadora da Saúde da Mulher, Adriana Machado, durante um café da manhã

Comentar
Compartilhar
08 MAR 2018Por Da Reportagem19h01
Café da manhã foi realizado nesta quinta-feira (8)Foto: Divulgação/PMG

Na última quinta-feira (8), diversas celebrações marcaram o Dia Internacional da Mulher. Em Guarujá, as mulheres tiveram um motivo a mais para comemorar. Isso porque, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), por meio da Coordenadoria da Saúde da Mulher anunciou a futura criação de um Instituto da Mulher na Cidade.

A notícia foi dada pela coordenadora da Saúde da Mulher, Adriana Machado, durante um café da manhã organizado pela Sesau, em parceria com o Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Guarujá, para homenagear as mulheres.

A cerimônia aconteceu na sede do Fundo Social, que recebeu uma decoração toda especial - com flores e ornamentos, transmitindo a beleza da celebração. Participaram do encontro o prefeito de Guarujá, Válter Suman, a diretora do Fundo Social, Érica Ribeiro, secretários municipais e servidores.

“O Instituto da Mulher vai concentrar os serviços de pré-natal de alto risco, cirurgia ginecológica, exames de imagem e outros. A mulher precisa de um carinho especial e hoje anunciamos em primeira mão esse presente”, explicou a médica, Adriana Machado.

Ela conta ainda que a Secretaria já está viabilizando um imóvel na área do Centro da Cidade, em um espaço que reunirá todos os exames e ações em prol da saúde da mulher. Ainda não há data para inauguração.

O prefeito parabenizou todas as mulheres e falou dos enfrentamentos da Administração. “O Dia da Mulher é todo dia. Sinto muito orgulho da minha esposa, que se dedica com afinco ao Fundo Social. Além disso, tenho certeza de que o Instituto da Mulher – equipamento pelo qual estamos trabalhando muito para se tornar uma realidade no Município - atenderá nossas munícipes com a oferta e qualidade de atendimento que elas merecem”, enfatizou.

“É um dia muito feliz para nós mulheres. Estamos conquistando cada vez mais o nosso espaço na sociedade. Isso com muito trabalho, dedicação e luta. Nós nascemos para sermos amadas”, contou a diretora do Fundo Social, Èrica Ribeiro.

Homenagens

O Coral “Em Canto”, regido pelo maestro Adonis Xavier de Souza cativou o público com as canções: Sol de Primavera (Beto Guedes), Vira Virou (Kleiton e Kledir) e Cantiga por Luciana (Paulinho Tapajós).  Após as apresentações e homenagens foi realizada uma palestra sobre os Direitos das Mulheres, ministrada pela Assistente Social, Andrea Nascimento dos Santos.

Colunas

Contraponto