Site do SISEM-SP bate recorde de acessos em 2016

Os números de visitas ao www.sisemsp.org.br já vinham crescendo desde o ano anterior, encerrando 2015 com 467.679 acessos totais

Comentar
Compartilhar
08 JAN 2017Por Da Reportagem10h30
“Atribuímos este crescimento ao referencial teórico de grande importância para o setor museológico disponibilizado no portal", explica o diretor do Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP, Davidson KasekerFoto: Rodrigo Montaldi/DL

O site do Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), ligado à Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, bateu recorde de acessos em 2016. Os números de visitas ao www.sisemsp.org.br já vinham crescendo desde o ano anterior, encerrando 2015 com 467.679 acessos totais. Já em 2016, os números subiram para mais de 1 milhão.

“Atribuímos este crescimento ao referencial teórico de grande importância para o setor museológico disponibilizado no portal, conteúdo que pode ser baixado gratuitamente, além da integração entre as redes sociais do SISEM-SP com o site,  as atividades de formação, as articulações, o apoio técnico oferecido e as notícias veiculadas.”, explica o diretor do Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP, Davidson Kaseker.

De acordo com o relatório anual realizado pela instituição, internautas de cerca de 300 cidades do interior, litoral e capital e de 32 países visitam mensalmente o portal. Só em 2015, foram realizados mais de 30 mil downloads, e em 2016 foi atingida a marca de 60 mil. “Os números são bem expressivos e revelam a importância da democratização da informação e de conteúdo que auxiliam profissionais e estudantes da área museológica”, finaliza Kaseker.

Entre as publicações disponibilizadas pelo site estão “Introdução aos ­Vocabulários Controlados”; “Direitos Indígenas no Museu”; “Confecção de embalagens para acondicionamento de documentos”; “Manual de conservação ­preventiva para edificações”, entre outros. Para saber mais acesse: www.sisemsp.org.br.

Sistema

O Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP) congrega e articula os museus do Estado de São Paulo, com o objetivo de promover a qualificação e o fortalecimento institucional em favor da preservação, pesquisa e difusão do acervo museológico paulista. Em mapeamento realizado em 2010, foram listadas 415 instituições museológicas, públicas e privadas, em 190 municípios paulistas. O SISEM-SP se estrutura em torno das premissas de parceria e responsabilidade compartilhada, em que as ações previstas para cada região são concebidas levando-se em conta o contexto, as demandas e as potencialidades locais. É coordenado pela Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo (UPPM/SEC), tendo como instância organizacional o Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (GTC SISEM-SP).

 

Colunas

Contraponto