Entrada da Cidade

Operação de saturação do crime é iniciada no Vale do Paraíba e litoral

Ação lançada nesta quarta-feira (28) não tem data para acabar e tem objetivo de combater a criminalidade até divisa com o Rio de Janeiro

Comentar
Compartilhar
28 FEV 2018Por Da Reportagem14h51
Alckmin detalhou sobre o esforço da operação e comentou que ela não tem data para acabarFoto: Sergio Lima/A2img/Fotos Públicas

Foi lançada nesta quarta-feira (28), em Taubaté, a Operação Rochedo. A ação tem como objetivo reforçar o combate à criminalidade na região do Vale do Paraíba e no litoral paulista, até a divisa com o Rio de Janeiro.

“Demos início à Operação Rochedo, uma operação de saturação aqui no Vale do Paraíba e Litoral Norte, começando em Jacareí e indo até a divisa com o Rio de Janeiro, e a mesma coisa no litoral, na Rio-Santos, até a divisa também com o Rio de Janeiro”, anunciou o governador Geraldo Alckmin no lançamento da operação, em Taubaté.

Alckmin detalhou sobre o esforço da operação e comentou que ela não tem data para acabar. “Mobilizamos mais 950 policiais militares, mais de 250 viaturas, 100 motocicletas, Canil da Polícia Militar, Rocam, Polícia Ambiental, Rota, Baep, batalhões de choque, cavalaria, helicópteros, em trabalho integrado. Começou hoje e não tem data para terminar. Ou seja, nó vamos repetir esse procedimento quantas vezes forem necessárias. Um trabalho importante de no sentido de enfrentamento do crime, prisão de criminosos e redução da criminalidade no estado”, explicou o governador.

O secretário de Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, participou do lançamento da operação e comentou que o esforço vai mobilizar também a Polícia Civil. “Nós pretendemos, sim, realizar operações com a Polícia Civil por todas as regiões que nos causam atenção maior. No Vale e divisa com o Rio de Janeiro vamos colocar também os grupos especiais da Polícia Civil em ação. A Polícia Civil está participando, sim, ativante desse esforço para que a gente possa manter o Estado de São Paulo mais seguro”, declarou o secretário.

O esforço em melhorar a segurança no Estado foi apresentado em recentes indicadores da criminalidade do Estado, divulgados em janeiro, conforme comentou o governador. “Iniciamos o ano com excelentes resultados: de 11 indicadores, 9 reduziram no Estado de São Paulo. O principal crime, o homicídio, o crime contra a vida, nós temos o menor número da série histórica”, lembrou Alckmin, que ainda citou a redução desse time desse tipo crime em 70% em Taubaté. “Isso é fruto de muito trabalho, muita perseverança”, destacou Alckmin.

Colunas

Contraponto