Entrada da Cidade

Campanha termina nesta sexta e Guarujá tem apenas 45,81% de vacinados

A Cidade só vacinou 126.417 pessoas contra a febre amarela desde 25 de janeiro. Meta estabelecida ao Município é de vacinar mais de 295 mil pessoas

Comentar
Compartilhar
13 MAR 2018Por Da Reportagem16h38
O término da vacinação na Cidade será nesta sexta-feira (16)Foto: Divulgação/PMS

Ainda está bem abaixo do esperado, o total de vacinados até o momento contra a febre amarela em Guarujá: somente 126.417 pessoas, de acordo com último levantamento. Esse total representa apenas 45,81% do público estimado, que procurou pela dose da vacina, desde o início da campanha, em 25 de janeiro.

O término da vacinação na Cidade será nesta sexta-feira (16), e por enquanto, não há confirmação se a campanha poderá ser prorrogada. Para o atendimento, a Secretaria de Saúde de Guarujá mantém 20 postos, entre unidades básicas (UBSs) e de saúde da família (Usafas), atendendo a população das 8 às 17 horas.

"Infelizmente, mesmo com a confirmação de mortes em função da doença, a busca pela dose da vacina está muito fraca. Prorrogamos a vacinação, realizamos "Dias D", abrimos um plantão de vacinação no Carnaval e mesmo assim não estamos nem perto da meta estipulada ao Município", enumerou a enfermeira da Vigilância Epidemiológica da Prefeitura, Ana Terezinha Lopes Plaça.

Ela pede ainda que a população não espere a doença chegar e provocar mortes na Cidade, para então procurar pela vacina. "É sempre bom lembrar que a dose tem uma eficácia de 98%. Portanto, reações adversas são ínfimas, diante de um possível surto da doença. Afinal, quem adquirir a febre amarela terá 50% de chances de morrer. Por isso, a importância da prevenção", frisou.

Guarujá disponibiliza estoque suficiente para atender a demanda e assim atingir a meta estipulada, que é de imunizar mais de 295 mil pessoas. Até o momento, o Município não possui registro de casos confirmados ou de suspeitos da doença.

Febre Amarela - Doença infecciosa, transmitida por meio da picada de mosquito infectado, podendo afetar humanos e animais, como os macacos. Não há transmissão direta de pessoa a pessoa. A vacina é a principal ferramenta de prevenção e controle da doença. Principais sintomas: febre, calafrios, dor de cabeça, dores no corpo, fadiga, náuseas e vômitos. A manifestação clínica inclui insuficiência hepática e renal, podendo evoluir a óbito.

Confira a relação das unidades disponíveis:

UBS Vila Baiana

Rua Vereador Orlando Falcão, 143 – Enseada

UBS Vila Rã

Rua Maria Geralda Valadão, 1.114 – Jardim Mar e Céu

UBS Pernambuco

Rua Samambaia – s/nº - Praia do Pernambuco

UBS Santa Rosa

Avenida Manoel da Cruz  Michael, 133 – Santa Rosa

UBS Vila Edna

Avenida Brasil, s/nº - Vila Edna

USAFA Cidade Atlântica

Rua Uruguai, 3.000 - Cidade Atlântica

USAFA Perequê

Rua Rio Branco, 235 - Perequê

USAFA Santa Cruz dos Navegantes

Rua Antônio Pinto Rodrigues, s/nº - Santa Cruz dos Navegantes

USAFA Jardim Dos Pássaros

Rua Rouxinol, 25 – Jardim Santo Antônio

USAFA Jd. Las Palmas

Rua José Alves de Oliveira, s/nº, Las Palmas

USAFA Dr. David Capistrano

Rua Paulo Agostinho da Silva, s/nº - Vila Zilda

UBS Vila Áurea

Rua Francisco de Castro, s/nº- Vila Áurea

UBS Jardim Boa Esperança

Avenida Adriano Dias dos Santos, 533 - Jardim Boa Esperança

UBS Pae Cará

Avenida São João, 155 – Pae Cará

UBS Morrinhos

Avenida Antenor Pimentel, s/nº, Morrinhos II

UBS Vila Alice

Rua Rio Grande do Sul, s/n°, Vicente de Carvalho

USAFA Sitio Conceiçãozinha

Rua Nova Esperança, 11, Sítio Conceiçãozinha

USAFA Jardim Conceiçãozinha

Avenida Bento Pedro da Costa, s/n – Jardim Conceiçãozinha

USAFA Jardim Progresso

Rua Josefa Ermínia Caldas, s/n°, Jardim Progresso

USAFA Jardim Brasil

Rua Poeta Alberto de Oliveira, s/n°, Morrinhos

Colunas

Contraponto