Santos

Conscientização ambiental nos quiosques das praias de Itanhaém

O evento faz parte do Verão no Clima, da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que realiza ações de limpeza em todo o litoral

Comentar
Compartilhar
12 JAN 2018Por Da Reportagem12h20
O projeto levará conscientização e adoção de boas práticas a pontos estratégicos das praias da cidadeFoto: Maiara Leonelli/Prefeitura de Itanhaém

O projeto Quiosque no Clima foi lançado ontem em Itanhaém. O projeto levará conscientização e adoção de boas práticas a pontos estratégicos das praias da cidade. O evento faz parte do Verão no Clima, da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que realiza ações de limpeza em todo o litoral. Participaram do lançamento o secretário estadual de Meio Ambiente, Maurício Brusadin, o prefeito Marco Aurélio Gomes, o secretário municipal de Planejamento e Meio Ambiente, Ruy Santos, e demais autoridades municipais.
“Nosso intuito é de cuidar do nosso bem maior, que é a riqueza natural de Itanhaém. Isso só é possível se todos nós abraçarmos essa causa. Com as praias mais limpas, podemos curtir o Verão com mais tranquilidade e, além disso, receber bem os nossos turistas, fazendo com que eles se sintam satisfeitos em retornar. Ações como essa são fundamentais”, disse o prefeito Marco Aurélio Gomes.

“É sempre um prazer visitar Itanhaém, que tem sido modelo na gestão ambiental, conforme a posição no Ranking do Município VerdeAzul pode atestar (9º lugar em todo o Estado, 1º na Baixada Santista). Ficamos satisfeitos em ver tantas pessoas engajadas em participar da limpeza das praias e da conscientização, além da receptividade do público. Parabenizo também os responsáveis dos quiosques pela adesão ao Verão no Clima”, afirmou o secretário estadual Maurício Brusadin.

O lançamento foi realizado no Quiosque do Moai, no Centro, que instalou uma “bituqueira” para que fumantes possam descartar seus cigarros adequadamente, além de possuir parceria com coletores de material reciclável. Este é um dos locais contemplados, bem como os quiosques do Bezerra (Cibratel, onde há gincanas e brincadeiras de limpeza) e Requintes (Bopiranga, que está substituindo os materiais descartáveis, como copos). Além de recolher os resíduos, o intuito é de alertar os clientes e funcionários para a importância da destinação correta.

Representantes dos três estabelecimentos participaram de uma reunião no dia 6 de novembro, organizada pelo Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (COMDEMA) sobre os perigos do acúmulo de lixo nas praias, com participação de diversas secretarias municipais, conselhos e organizações não governamentais (ONGs).

Durante o lançamento, as tendas itinerantes do Verão no Clima foram instaladas em frente ao quiosque. Elas estarão espalhadas pelos três pontos – Centro, Bopiranga e Cibratel – de sexta (12) a domingo (14), das 8 às 18 horas. O projeto Verão no Clima foi lançado no último dia 4, e as tendas ficarão em pontos distintos da Cidade em dias de eventos e fins de semana – confira a programação completa aqui. Juntamente com eles, a Secretaria Municipal de Serviços e Urbanização está fazendo o cadastramento da população na coleta seletiva, orientando o público sobre reciclagem.

Além disso, o secretário visitou a base de estabilização do Instituto Gremar, que faz a reabilitação de animais marinhos, os principais afetados pelo descarte indiscriminado de lixo nas areias. A entidade participará de um mutirão no dia 20, sábado, que terá a soltura de espécies reabilitadas, além de gincanas ecológicas, pinturas e exposições de animais taxidermizados (empalhados), fotografias e trabalhos ambientais. Já no dia 27, haverá a I Caminhada e Corrida Ambiental, cujas inscrições foram esgotadas.

 

Colunas

Contraponto