Assim é fácil

Comentar
Compartilhar
18 MAI 2018Por Da Reportagem00h00

Esta coluna descobriu, por intermédio de uma fonte de dentro da Progresso e Desenvolvimento de Santos (Prodesan) e tucanos insatisfeitos com a ação, que um diretor da autarquia, membro do Diretório Municipal do PSDB, utilizou o auditório da empresa, semana passada, para uma reunião política em prol de uma pré-candidata a deputada federal da região a qual ele tem estreitas relações. A atitude causou desconforto no Palácio José Bonifácio (Prefeitura) e no Castelinho, sede de Câmara de Santos.

Diário da Copa

RUSSIA 2018
Faltam
dias para a Copa

Colunas

Contraponto