10h : 45min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Contraponto

  •  

    Filiação em massa

    Se o Ministério Público Eleitoral resolver investigar, a filiação em massa no PSB santista, realizada no início da semana passada, poderá dar ‘dor de cabeça’ à direção da legenda do vereador Benedito Furtado e do seu cacique em São Paulo, o vice-governador Márcio França.

  •  

    Filiação em massa II

    Segundo informações enviadas a Contraponto, as mais de 650 filiações foram realizadas online, de um único computador de uma autarquia municipal. O pior, durante o horário de expediente.

  •  

    Doação dos aplicativos

    A Associação dos ­Motoristas por Aplicativos da Baixada Santista fará hoje, a partir das 8 horas, um mutirão onde 60 motoristas irão doar sangue no Hemocentro do Hospital Guilherme Álvaro. “Nosso slogan vai ser: enquanto jogam ovos, nós doamos sangue”, disse um dos participantes, fazendo referência a retaliação que sofrem por parte de alguns taxistas.

  •  

    Bertioga

    Hoje, a Câmara de ­Bertioga realiza a 1ª Audiência Pública sobre Regularização Fundiária e Habitação de Interesse Social. O encontro acontecerá no salão do Lions Clube, a partir das 9 horas.

  •  

    Proteção ambiental

    Na pauta, a implementação da Medida Provisória 759/16, que aprimora os mecanismos para legalização de áreas e imóveis, e a discussão de casos específicos ocorridos na cidade, incluindo a sobreposição de áreas de proteção ambiental.

  •  

    Lyra que propôs

    Para o presidente da Câmara, vereador Ney Lyra, que propôs a realização da audiência, esse é um momento bastante significativo para a cidade, tendo em vista que mais de 30 mil pessoas vivem em situação irregular no Município. “É fundamental que a sociedade participe das discussões, para entender como se dará o processo e para que possa participar dele desde o início, esclarecendo suas dúvidas e dando sua opinião”, afirma.

  •  

    Como fazer

    Quem tiver interesse, ainda pode se cadastrar para a audiência através do site da Câmara: www.bertioga.sp.leg.br. Mais informações pelo telefone: 3319-9000 ramal 9011.

  •  

    Novas gestões

    Já estão trabalhando os novos nomes anunciados pela prefeitura de Cubatão que ficarão à frente de algumas pastas na administração municipal. Lucidalva Oliveira Almeida Santos passou a substituir Ivani Maria Bassoti na secretaria municipal de Gestão. Já Aparecido Amaral de Carvalho ficou no lugar de Lucidalva na superintendência da Caixa de Previdência dos Servidores Municipais.

  •  

    Na ativa

    A nomeação dos mesmos ocorreu na última terça-feira, sendo que os novos gestores tomaram posse anteontem (21).

  • Quinta
    22 de Junho
  •  

    Prostíbulos nos bairros

    A reportagem veiculada no último domingo sob o título “prostíbulos se espalham por bairros residenciais de Santos” causou muitos comentários nas redes sociais e uma surpresa: o número de “inferninhos” é bem maior do que o imaginado. Muitos munícipes fizeram questão de alertar sobre um bem próximo de sua casa.

     

  •  

    Prostíbulos na rádio

    Na última segunda-feira (19) de manhã, no Programa Litoral, na Rádio City, o assunto foi um dos mais comentados. O programa contou com a participação do repórter do Diário do Litoral, Carlos Ratton (autor da reportagem); o médico veterinário Eduardo Filletti e o secretário de Saúde, Fábio Ferraz, que ficou surpreso com a revelação dos ouvintes, que apontaram vários prostíbulos clandestinos.

  •  

    Prefeitura e polícia desconhecem

    Apesar de a população apontar os pontos de exploração sexual na cidade, polícia e Prefeitura afirmam desconhecer. O próprio denunciante garante que apontou o prostíbulo no Canal 6 para os órgão citados, mas até agora nada foi feito para combater a exploração sexual.

  •  

    Só na campainha

    A maioria não apresenta qualquer referência da atividade em sua fachada, funcionando em sobrados grandes, com vários cômodos. Para entrar, basta apertar uma campainha. Outras possuem segurança na porta.

  •  

    Faça o que eu digo...

    Senadores e deputados, ou seja, congressistas que debatem a reforma da previdência social, são sócios de empresas que devem 372 milhões à previdência social. O levantamento é da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional que aponta irregularidades em contribuições previdenciárias de empresas ligadas a 86 congressistas, sendo 73 deputados e 13 senadores.

  •  

    Collor lidera o ranking

    Entre os devedores, 4 senadores e 11 deputados têm empresas que somam dívidas superiores a R$ 1 milhão de reais. O líder do ranking é o senador Fernando Collor (PTC-AL) (foto). O ex-presidente está associado a cinco empresas que devem R$ 112 milhões, todas elas atuam no ramo de comunicação. A TV Gazeta, retransmissora da TV Globo, tem Collor como sócio e deve R$ 46 milhões ao INSS.

  •  

    Até o relator

    O que causa mais surpresa na lista é a presença do deputado federal Arthur Maia (PPS – Bahia), sócios de postos de gasolina na Bahia, que deve R$ 213 mil e é o relator da reforma previdenciária na Câmara. E, diante disso, dá para entender porque a previdência social está deficitária como diz o Governo para justificar a reforma do setor.

  • Quarta
    21 de Junho
  •  

    Mais uma vez

    Não foi a primeira vez, e provavelmente não será a última, mas a sessão da Câmara de Santos, novamente, foi encerrada, na segunda-feira (19), sem a realização da Ordem do Dia. O primeiro expediente se realizou normalmente, mas na hora de votarem projetos, os vereadores optaram por esvaziar o plenário.

  •  

    Aquele 10%

    O primeiro item da pauta era o projeto de emenda à lei orgânica, de autoria do prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), que reduz de 20% para 10% o índice anual de incorporação de salários dos servidores ocupantes de cargos comissionados.

  •  

    Ecoou

    Dizem as vozes da Câmara que há pessoas insatisfeitas por esse projeto, atualmente em segunda discussão, ter tramitado a toque de caixa no Legislativo. Segundo contam, existe até parlamentar que desejaria que este projeto só fosse aprovado no segundo semestre.

  •  

    Ficou na saudade

    O secretário municipal de Cultura, Fábio Nunes, o Fabião (PSB), foi até a sessão. Na Ordem do Dia também constava a aprovação do Plano Municipal de Cultura, tema de interesse do secretário, mas que ficou para quinta-feira.

Colunas

Contraponto