22h : 11min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Sistema de mão única modifica tráfego nas ruas de Bertioga

A ação atende inclusive a necessidade de disciplinar a circulação de carros no entorno das escolas e de áreas com grande fluxo de automóveis

Comentar
Compartilhar
21 ABR 2017Por Da Reportagem19h30
Bertioga implantou recentemente o sistema binário no trânsitoFoto: Divulgação/PMB

Para enfrentar um tráfego crescente de veículos e garantir mais segurança aos usuários, Bertioga implantou recentemente o sistema binário no trânsito, ou seja, mão única em diversas vias nos bairros da região central. A ação atende inclusive a necessidade de disciplinar a circulação de carros no entorno das escolas e de áreas com grande fluxo de automóveis.

“No entorno de escolas, houve inclusive solicitação por parte dos próprios pais de alunos, para mudanças no trânsito, já que o trafego nestes locais era bastante sobrecarregado em horários de picos (entrada e saída de alunos), como é caso da Rua Manoel da Nóbrega. Essa medida é importante para acompanhar o crescimento da Cidade, de forma ordenada, evitando agravamentos futuros para o trânsito”, afirmou o diretor de Trânsito e Transportes,Fabiano Teles de Oliveira.

Apesar de ser uma ação que incomoda muitos motoristas, por exigir que eles obedeçam ao sentido único em algumas vias, ela garante fluidez ao trânsito, evitando congestionamentos e diminuindo o risco de acidentes.

O Município até então não tinha adotado essa ordenação para vias e avenidas, que é uma medida comum em grandes centros e em outras cidades da Baixada. Com a pavimentação das ruas de diversos bairros, Bertioga precisou melhorar as condições de tráfego, por essa razão, foi implantado o sistema binário, com vias de mão dupla e de mão única, que atendem principalmente a demanda de escolas, itinerário dos ônibus, e locais de grande fluxo de veículos.

Hoje, Bertioga conta com mais de 22 mil veículos em sua frota registrada. Ainda, frota flutuante de nove mil automóveis nos dias úteis, e outros 14 mil aos finais de semana. Na temporada e feriados, pode chegar a 80 mil carros em circulação no Município.

Pavimentação

O diretor de Trânsito ainda afirmou que a pavimentação gera aumento de velocidade do fluxo viário, por isso, a mão dupla pode gerar conflitos e acidentes diversos.

Assim, a implantação da mão única foi fundamental para a redução do problema, principalmente nas áreas com polos geradores de trafego, como o Hospital, comércios, órgãos públicos e outros.

Além disso, ele explicou que “com o sistema binário, o motorista que deseja chegar a um local que já tenha ultrapassado, deve usar outras vias para poder retornar, o que pode trazer inconvenientes para algumas pessoas, porém, melhora consideravelmente o fluxo viário, já que garante que o tráfego se mova mais rápido e, ainda, simplifica as interseções, reduz conflitos e consequentes riscos de acidentes”.

Para orientar os motoristas do novo sentido das vias, a equipe da Diretoria de Trânsito tem intensificado as ações, principalmente nas ruas no entorno das escolas e das áreas com maior fluxo de veículos.

Colunas

Contraponto